Menu
Busca sexta, 21 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Trabalhadores ameaçam nova greve por salários

07 janeiro 2004 - 17h47

Os trabalhadores encarregados pelas obras das casas do Residencial Guaicurus contratados pelo Movimento de Moradia, estão anunciando nova greve a partir de amanhã, como forma de pressionar a Prefeitura a liberar os salários, que segundo eles, estão atrasados há quase dois meses. Edivaldo Soares e Gumercindo Vilhalba confirmaram há pouco ao Dourados News que na última tentativa de acordo, com o superintendente municipal da Agehab, José Roberto Buzzio, diretores da Caixa Econômica e com o coordenador estadual dos programas de Habitação, Amarildo Cruz, ficou acertado que os pagamentos seriam sempre liberados até o quinto dia útil do mês seguinte. "Mas não é isso que está acontecendo", disseram eles, convocando os demais trabalhadores para a paralisação, logo pela manhã, no canteiro de obras. Edivaldo disse que tem R$ 1.200,00 para receber, mas há outros trabalhadores que estão construindo casas em outros conjuntos habitacionais que tiveram as obras lançadas em parceria pela Prefeitura de Dourados e o Governo do Estado que têm até R$ 3.000,00 em salários atrasados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEFESA
Major que atirou na cabeça do ex-namorado tinha medida protetiva
OPERAÇÃO LOBO GUARÁ
UEMS é selecionada para participar do Projeto Rondon em 2020
CAPITAL
Diarista cai em buraco na calçada, machuca perna e fica sem trabalhar
STF
Ex-sócio da Telexfree é preso pela PF e pode ser extraditado aos EUA
TRÊS LAGOAS
Técnico de enfermagem apanha em UPA e aciona a polícia
SAÚDE
Brasil monitora apenas um caso suspeito do novo coronavírus
NAVIRAÍ
Por dinheiro, policial facilitava entrada de celulares e droga em presídio
POLÍTICA
Nelsinho Trad oficializa pedido para reativar Parlamento Amazônico
CAMPO GRANDE
Durante discussão, major da PM atira contra o ex-namorado
TENTATIVA
Petroleiros suspendem greve após 20 dias para negociar acordo

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher ameaça se jogar de torre no Jardim Guaicurus
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018
DOURADOS
Fechamento e promoções levam multidão a fazer fila em hipermercado
DOURADOS
Polícia vai ao Guaicurus e prende condenado por pedofilia