Menu
Busca terça, 18 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Tetila vai transformar prêmio jornalístico em lei

18 dezembro 2003 - 11h55

Atendendo solicitação feita em público pelo vereador e jornalista Elecir Ribeiro Arce (PT), o prefeito de Dourados Laerte Tetila se comprometeu na noite de ontem, durante o lançamento do troféu imprensa “Júlio Marques de Almeida”, a enviar para a Câmara Municipal um projeto para transformar essa comenda em lei. Por enquanto a distinção está assegurada em decreto.Para um seleto público de profissionais da imprensa local, no restaurante Kikão, Tetila disse que considera a homenagem bastante justa “e com certeza orgulha todos os profissionais da área; com muito carinho vamos encaminhar esse projeto”.Comentou que conheceu o homenageado, falecido em acidente automobilístico em 1986, quando ainda era professor da escola Presidente Vargas “e sempre tivemos boas informações em relação a ele de uma pessoa íntegra e honesta (...) foi feliz a idéia do José Henrique Marques”, referindo-se ao diretor da Agência de Comunicação Municipal (Agcom). Parabenizou também o tema escolhido voltado para a educação.José Henrique, hoje com 43 anos, disse que conheceu Júlio Marques quando tinha 16 anos e trabalhou na então Assessoria de Imprensa da Prefeitura quando o homenageado era o assessor, sendo secretário, datilógrafo e repórter. “Eu aprendi a gostar dele como figura humana”. Afirmou que um dos compromissos dele como diretor da agência era resgatar o prêmio para a imprensa local para incentivar a boa reportagem e a escolha do nome de Júlio teve aceitação no meio da imprensa, principalmente entre os mais antigos que conviveram com Júlio.Afirmou que o prêmio Aracanga de jornalismo, instituído na administração anterior, foi aperfeiçoado. “Tiramos o nome de uma ave do Espírito Santo para homenagear um profissional de Dourados”.Tanto o presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais da Grande Dourados (Sinjorgran), Clóvis de Oliveira, como o presidente do Clube de Imprensa de Dourados (CID), Élvio Lopes, entidades parceiras nessa iniciativa, enalteceram o prêmio. Clóvis lembrou que Júlio foi uma espécie de precursor, em nível local, da figura do assessor de imprensa e atuou como um porta-voz entre o Executivo e os profissionais da área, lembrando que Dourados passa por uma fase de amadurecimento dos valores éticos e profissionais com o surgimento do curso de Jornalismo na Unigran.Élvio disse que se sentia satisfeito pela escolha “de uma pessoa que foi um dos fundadores do CID”. O vereador Ribeiro Arce concordou que a homenagem era justa e lembrou da fatalidade que tirou a vida, precocemente, de Júlio Marques aos 31 anos, quando viajava para Campo Grande. O acidente aconteceu em Novo Horizonte do Sul.Uma das representantes da família do homenageado, Cristina Almeida Frauze, agradeceu a honraria e disse que “a maior homenagem que um jornalista pode ter é saber que seu nome está sendo perpetuado pelo trabalho desenvolvido”.Júlio começou a trabalhar em O Progresso aos 11 anos. Era filho do jornalista Albano José de Almeida. Além da militância em assessoria, chegou a ter um jornal na cidade com vida efêmera: “Diário da Notícia”. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Pai que matou filho afogado também responderá por tentativa de homicídio
NOVO PADRÃO
Termina prazo extra para placa do Mercosul entrar em vigor no Brasil
PARAGUAI
Justiça solta 4 agentes penitenciários presos após fuga de 76 detentos
BRASIL
PF encontra mensagens com ameaças a ministros do Supremo
CAPITAL
Polícia identifica marca em touro descontrolado e tenta rastrear dono
UFGD
Seminário de Literatura e Arte Contemporânea acontece em abril
PARANAÍBA
Carreta é encontrada em chamas e polícia investiga ação criminosa
POLÍTICA
Bolsonaro diz que espera enviar reforma administrativa esta semana
FRONTEIRA
Pistoleiros do PCC são suspeitos de envolvimento na execução de jornalista
EDUCAÇÃO
MEC busca alternativa para voltar a emitir carteira de estudante

Mais Lidas

DOURADOS
Ferido com tiro no peito, entregador chega pilotando moto na UPA
DOURADOS
Líderes de motim que causou estragos na Unei são levados à delegacia
DOURADOS
VÍDEO: Internos 'batem grade' e queimam colchões em princípio de rebelião na Unei
FRONTEIRA
Festa termina com aniversariante e convidado assassinados por pistoleiros