Menu
Busca domingo, 09 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Tesouro perderá R$ 10 bilhões com anistia a desmatador

11 dezembro 2009 - 15h32

Além de adiar até 2012 a punição de desmatadores, o presidente Lula decidiu suspender a cobrança de multas aplicadas aos proprietários rurais que respeitarem o limite de corte de vegetação nativa em suas terras. O valor da anistia é estimado em R$ 10 bilhões, similar à despesa, por ano, do Bolsa Família.

A anistia faz parte do programa Mais Ambiente, resposta de Lula à pressão dos ruralistas. As punições deveriam ter entrado em vigor no ano passado, mas até junho de 2011 não haverá nenhuma punição. A partir daí, irregularidades serão notificadas e, depois, cobradas na forma de multa.

O ministro Carlos Minc ( Meio Ambiente) reagiu à anistia aos produtores multados. "Se for isso, vou pedir para mudar, o acordo não era esse, isso vai ter de ser corrigido." O decreto presidencial que determina a anistia será publicado na edição de hoje do "Diário Oficial da União".

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRONTEIRA
Ex-lutador de MMA é executado a tiros em confraternização
BRASIL
2020: um ano diferente também para o Dia dos Pais
DOURADOS
Polícia autua dois e procura autor de facadas que mataram jovem em festa
BRASIL
Presidente do STF decreta luto oficial de três dias em memória às 100 mil vítimas da Covid-19
MINISTRO
Pazuello lamenta mortes por covid- 19 e destaca tratamento precoce
REGIÃO
Professora morre ao ter moto atingida por carro
ESTADO
Termina neste domingo seleção de professores temporários da Uems
ESTADO DE ALERTA
Dourados registra menor índice de umidade relativa do ar no ano
DOURADOS
Acidente entre carro e moto deixa homem em estado gravíssimo
PANDEMIA
Brasil registra mais de 100 mil mortes por covid-19

Mais Lidas

DOURADOS
Homicídio ocorreu após madrugada de farra e confusões na Jaguapiru
PANDEMIA
Paciente internado em Dourados morre de coronavírus
DOURADOS
Equipe do Samu se desloca para atender vítima de facadas em bairro
PANDEMIA
Cerca de 90% douradenses diagnosticados com Covid estão recuperados