Menu
Busca sexta, 20 de julho de 2018
(67) 9860-3221

Teruel afirma que há “ingratidão” de companheiros petistas

04 dezembro 2003 - 18h50

O deputado estadual Pedro Teruel (PT) afirmou que fez sacrifícios pela unidade e pelo bem do partido, mas que não estão sendo reconhecidos por parte da cúpula partidária. Ele disse que todos ainda lembram que ele abandonou a candidatura de vice-governador em 2002, quando renunciou em favor de Egon Krakhecke. Ele disse que fez “um sacrifício, mais um” a pedido do então presidente regional, Vander Loubet, do presidente nacional da sigla, José Dirceu, e dos deputados na época, porque era a única alternativa para o partido bastante dividido.No entanto, lembra o deputado, as mesmas pessoas tentam queimar o seu nome nas prévias lembrando da renúncia. No entanto, destaca que mantém a candidatura por achá-la melhor para o PT e lamenta pela campanha, com o objetivo de queimá-lo, feita por alguns companheiros. “É uma ingratidão”, ressaltou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Corpo é encontrado carbonizado após denúncia anônima
LAMA ASFÁLTICA
Puccinelli, filho e advogado são presos na Capital
DOURADOS
Bandidos levam motos de vítimas e polícia suspeita que uma delas tenha sido usada em roubo a vereador
TELEVISÃO
Ex-apresentadora acusa a TV Globo de racismo em demissão
ALBINO COM A JOAQUIM
Músico morre quatro dias após acidente no Centro de Dourados
DOURADOS
Vereador é assaltado por dupla armada ao chegar em casa
FUTEBOL
Seduc empata e segue com chances de classificação na Taça BH sub-17
ÔNIBUS
Três Lagoas ganha Justiça Itinerante a partir desta sexta-feira
SONORA
Contratado para frete, caminhoneiro some com 31 mil kg de açúcar
JUSTIÇA
Acusado de matar cunhado por vingança vai à júri nesta sexta-feira

Mais Lidas

DOURADOS
Ladrões levaram mais de R$ 1,5 mil em assalto a padaria
DOURADOS
Polícia prende trio acusado de assaltar padaria no III Plano
OPERAÇÃO ECHELON
Facção tem "casa de apoio" para presos em MS
MS-156
Traficantes abandonam caminhonete com mais de 1t de maconha