Menu
Busca domingo, 21 de abril de 2019
(67) 9860-3221
POLÍTICA

Temer volta a Brasília após alinhar estratégia de defesa com advogados em SP

Temer volta a Brasília após alinhar estratégia de defesa com advogados em SP

30 setembro 2017 - 15h20Por G1

O presidente da República, Michel Temer, retornou neste sábado (30) a Brasília de viagem de um dia a São Paulo para discutir com advogados estratégia de defesa para a segunda denúncia, que será analisada pela Câmara dos Deputados nas próximas semanas.


Temer é alvo de uma segunda denúncia da Procuradoria Geral da República, desta vez por organização criminosa e obstrução à Justiça. Caberá à Câmara autorizar ou não o Supremo Tribunal Federal (STF) a analisá-la. Além dele, a denúncia envolve ainda os ministros Moreira Franco (Secretaria-Geral) e Eliseu Padilha (Casa Civil).


O presidente foi notificado na quarta-feira (27) pela Câmara sobre a chegada da denúncia. A defesa dele terá prazo de até dez sessões do plenário para apresentar os seus argumentos à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que apreciará o caso antes de enviá-lo ao plenário.


O presidente pousou por volta de 11h40 deste sábado na capital federal e seguiu para o Palácio do Jaburu, residência oficial da Vice-Presidência da República, onde mora. Assim que chegou, ele já recebeu Moreira Franco.


Antes, pela manhã, ele havia se reunido em São Paulo com o consultor político e amigo Gaudêncio Torquato. O tema do encontro não foi divulgado.


Segundo o Palácio do Planalto, o presidente não tem, por enquanto, compromissos oficiais neste fim de semana, apenas agenda privada.

Segundo o Blog da Andréia Sadi, o presidente foi a São Paulo tratar da denúncia. Ele se encontrou na tarde de sexta com os advogados Antonio Claudio Mariz, que deixou sua defesa na semana passada, e Eduardo Carnelós, seu novo defensor.

Embora tenha deixado a causa, Mariz segue como um dos principais conselheiros do presidente. O advogado alegou conflito de interesse por ter atuado na defesa do doleiro Lúcio Funaro.


Funaro fez uma delação premiada – homologada pelo STF – e parte dos depoimentos serviu para basear a segunda denúncia contra Temer.


Temer também recebeu na sexta a deputada Bruna Furlan (PSDB-SP). A parlamentar foi a única tucana da bancada paulista a votar a favor de Temer na primeira denúncia na Câmara dos Deputados.


O presidente aproveitou ainda a sua ida a São Paulo para fazer exames de rotina no Hospital Sírio Libanês.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Alessandra Negrini posta foto completamente nua e deixa público impactado
CAMPO GRANDE
Família procura adolescente que desapareceu há quatro dias
AMAMBAI
Após sair de festa, jovem é assassinado a golpes de facão
FUTEBOL
Cruzeiro empata com pênalti marcado pelo VAR e conquista o título mineiro
JUDICIÁRIO
Supremo avalia mudar regimento para aumentar julgamentos virtuais
PONTA PORÃ
Homem é encontrado com as mãos decepadas na região de fronteira
CONCURSO
Aeronáutica abre inscrições para 180 vagas de cadetes do ar
CAPITAL
Responsável por casa de show é preso por vender bebidas a menores
EDUCAÇÃO
MEC prepara material para explicar nova política de alfabetização
MS-156
Dois homens são presos transportando 154 quilos de Maconha

Mais Lidas

DOURADOS
Guarda faz batida em festa regada a álcool e narguilé e encontra menores bêbados
DOURADOS
Homem é preso tentando se esconder sob balcão de loja em que furtava
CAMPO GRANDE
Mulher é encontrada pendurada em árvore ao lado de carro
DOURADOS
Indígena morre atropelada na MS-156