Menu
Busca sábado, 24 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221

Supremo garante posse de professores concursados em MS

17 dezembro 2003 - 11h23

No último dia 12 de dezembro, o STF (Supremo Tribunal Federal) determinou a posse de três professores convocados de Mato Grosso do Sul que entraram com mandado de segurança para garantir vaga no Estado.Os professores Moacir Nunes da Silva (Matemática, 5ª a 8ª séries, Anastácio), Lílian Madruga Gimenes (Geografia, 5ª a 8ª séries, Aquidauana) e Rozeana de Castro Pantaleão (História, Ensino Médio, Paranaíba) passaram no último concurso do Estado, mas somente foram chamados como convocados. Eles acionaram o Estado, por meio da assessoria jurídica da Fetems, para serem empossados em vagas puras existentes no quadro de pessoal da secretaria de Educação. Perderam o mandado de segurança no Tribunal de Justiça, a Fetems recorreu e o STF deu ganho de causa aos professores.Desde que a atual diretoria da Fetems assumiu, em maio de 2002, mais de 100 professores já assumiram cargos no Estado por força de medida judicial, mas é a primeira vez que isso se dá por ordem do STF.Em audiência com o secretário de Educação, no dia 15 de dezembro, a direção da Fetems voltou a reivindicar a liberação de licenças especiais para fevereiro, chamada de novos professores concursados em dezembro e de novos funcionários administrativos em janeiro, entre outras solicitações. Por telefone, no dia 16, o secretário de Gestão informou à presidência da entidade que serão liberadas 200 licenças-prêmio, vai ser feita a chamada de 380 professores e de 800 funcionários administrativos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSEMBLEIA
Seminário sobre regularização fundiária urbana é o destaque da semana
LOTERIA
Apostas para a Dupla de Páscoa já podem ser feitas
PM E BOMBEIROS
ACS elege novo presidente em MS
ESTADO
Começa em abril inventário de plantas e solo do Cerrado de Mato Grosso do Sul
Veículos roubados que seriam levados para o Paraguai são recuperados
BRASIL
Conta-salário poderá ser transferida para instituições não financeiras
RECOMENDAÇÃO
Prefeito vai revogar doação de área a Arquidiocese de Campo Grande
MS/PR
Assaltantes se escondem em pântano e acabam presos
ESTADUAL
Federação adia fim da primeira fase após ajuste de tabela
BANDEIRANTES
Motociclista morre após ser atingido por ônibus

Mais Lidas

ERRO
Diário Oficial traz convocação de três “fulanos”
NOVO HORIZONTE
Foragido da Justiça é preso após trocar tiros com policiais em Dourados
ABUSO
Adolescente denuncia o próprio pai por estupro em Dourados
DOURADOS
Polícia desarticula grupo que planejava furto a agência dos Correios