Menu
Busca segunda, 20 de maio de 2019
(67) 9860-3221

Sul-mato-grossense pode ser condenada à morte na Síria

06 dezembro 2003 - 07h53

A sul-mato-grossense Adélia Ajala, que está presa desde 2002, junto com Ubirajara Noé Silveira, na Síria, por tráfico de drogas, pode ser condenada à morte. Desde 1993, a Justiça da Síria está autorizada a aplicar a pena capital para narcotraficantes. Adélia Ajala foi pega no aeroporto de Damasco, capital síria, carregando cocaína na bagagem. Casada e mãe de três filhos, ela está na prisão de Duma, localizada a cerca de 30 quilômetros da capital. Segundo informações obtidas pela Agência Brasil em Damasco, as prisões locais costumam fornecer apenas duas refeições por dia. O Brasil não tem acordo de extradição com a Síria. Para se obter informações básicas sobre os prisioneiros, como data de julgamento e estado de saúde da dupla, por exemplo, é preciso a intervenção de advogados constituídos em território sírio. A assessoria do Ministério das Relações Exteriores informa não ter sido oficialmente notificada das prisões de Ubirajara e Adélia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SEGUNDA LEVE!
Peito de frango recheado com frutas secas no molho de laranja
DOURADOS
Ex-líder da prefeita Délia Razuk é alvo de pedido de cassação
TRÂNSITO
Homens correspondem a 69% dos motoristas indenizados em MS
DOURADOS
Sindicato Rural comemora melhor edição da Expoagro dos últimos anos
BRASIL
Cai confiança do empresário industrial pelo quarto mês, avalia CNI
VISITA GUIADA
Casa baiana histórica tem peças do artesanato brasileiro
DOURADOS
Comad promove capacitação sobre enfrentamento às drogas e workshop sobre engajamento nas redes sociais
SAÚDE
Gripe: quando se preocupar?
ARTIGO
Conturbado mundo violento
OPORTUNIDADE
Telessaúde credencia profissionais com remuneração que varia de R$ 2,5 mil a R$ 5 mil

Mais Lidas

DOURADOS
Mulheres são presas ao tentar levar droga para maridos na PED
RODOVIÁRIA
Mulher é presa em Dourados com maconha que seria entregue no RS
DOURADOS
Guarda flagra adolescentes bebendo vodka durante a madrugada no Centro
EDUCAÇÃO
Inscrições do Encceja 2019 começam nesta segunda-feira