Menu
Busca quinta, 09 de julho de 2020
(67) 99659-5905

Sesi forma 210 pessoas em informática básica

23 maio 2011 - 07h12

No âmbito do Programa de Educação Continuada, que ao longo deste ano oferecerá 6.940 vagas em diversos cursos gratuitos nas áreas de educação, saúde, lazer, segurança no trabalho e responsabilidade social, o Sesi formou, entre março, abril e maio, 210 trabalhadores das indústrias em informática básica nas cidades de Ribas do Rio Pardo, Rio Verde, São Gabriel do Oeste, Sidrolândia e Sonora. “Estamos dentro da meta proposta para o período”, reforçou o gerente técnico do Sesi, Arnaldo Leite, acrescentando que os interessados em cursos e palestras do Programa devem entrar em contato com as unidades nos municípios.

Segundo a técnica Maria José dos Santos Souza, responsável pela execução do Programa de Educação Continuada, apenas em Sonora foram capacitados 91 trabalhadores da Usina Sonora Estância no período de 1º de abril a 5 de maio. “Além disso, no dia 17 de maio, iniciamos mais 11 novas turmas com término previsto para agosto, totalizando mais 142 matrículas, que terão aulas nos períodos matutino, vespertino e noturno”, informou, completando que a Usina Sonora está mobilizando os funcionários para a oportunidade que acredita ser de fundamental importância para o momento atual.

Já em Rio Verde foram formados 68 alunos funcionários das indústrias cerâmicas do município no curso gratuito de informática básica realizado nas dependências da Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi apenas no período noturno. “O diferencial na cidade foi que os alunos também participaram dos cursos gratuitos de viola caipira e violão popular no âmbito do Programa Som da Indústria”, informou Maria Souza, completando que em Ribas do Rio Pardo foram 18 formandos no curso realizado também na Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi na cidade no período de 7 de abril a 27 de maio.

Em Sidrolândia, 17 funcionários da Seara Alimentos e Tip Top foram formados no curso de informática básica realizado na Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi. Já na cidade de São Gabriel do Oeste foram capacitados mais 16 funcionários do Frigorífico Aurora no curso de informática básica realizado no período de 8 de abril a 20 de maio na Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi na cidade no período noturno.

Alunos

Para o funcionário da Vetorial, Pedro Paulo Marques Aguilar, o curso deve ajudá-lo a melhorar sua colocação dentro da empresa, onde, atualmente, trabalha como responsável por derreter sucata de aço. O colega Ary Garcia de Souza, que também trabalha na Vetorial, reforça que curso serviu para aprimoramento e conhecimento. “Eu trabalho como operador de termoelétrica e uma delas é computadorizada. Por isso, o curso vai me ajudar em muito”, previu.

O aluno Airton Martins Orvarindo, da Seara Alimentos, onde trabalha com a desossa de peito de frango, também espera com o curso mudar de cargo e melhorar o salário. Assim também pensa Fábio Torres, de 27 anos, da Seara Alimentos, que trabalha como auxiliar de produção. “Já tem convite para trabalhar no apoio de linha que vai usar o computador”, informou. A aluna Fernanda de Oliveira Barbosa, que trabalha na Tip Top como costureira industrial, reforça as declarações dos outros alunos.

Segundo a aluna Eucilene Alves Rios, o curso lhe ensinou a passar e-mails e como trabalhar o orçamento doméstico no Excel. “Pretendo utilizar o que aprendi também no meu trabalho”, disse. O aluno Moisés Pereira Amadeu também aprendeu a passar e-mails e arquivos, além de elaborar o orçamento doméstico no Excel, bem como fazer slides em power point. André de Lima Caetano conta que não sabia nem ligar o computador e hoje já tem noções básicas de informática.

A aluna Luciene Serafin Valença dos Reis, dependente de um trabalhador da Ceramitelhas, considera a oportunidade excelente. “Não sabia ligar o computador e agora tenho perspectiva de arrumar um bom emprego”, informou. Jane Ceres, que também é dependente de um trabalhador da Cerâmica Figueira, é outra que não sabia utilizar o computador e espera arrumar emprego com a conclusão do curso de informática básica.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Entregadores de aplicativos pedem legislação específica para categoria
MATO GROSSO DO SUL
Loja deve indenizar por forçar pagamento de produto não adquirido
CAMPO GRANDE
Exército Brasileiro realiza controle de fluxo e aferição de temperatura no HRMS
POLÍCIA
DNA revela que preso em São Paulo é autor de estupro em MS
SAÚDE
MPF ajuíza ação pedindo atendimento para indígenas residentes em áreas urbanas
REGIÃO
PMA flagra trio por pesca ilegal no rio Paraná
MATO GROSSO DO SUL
Hospitais terão que informar Secretaria sobre situação de internações por Covid-19
LEGISLATIVO DE MS
Aprovada utilização de Libras nos programas da rede pública de TV
ECONOMIA
Dólar fecha em queda com exterior e dados de varejo
DESMATAMENTO
Gaúcho leva multa de R$ 33 mil por crime ambiental praticado em MS

Mais Lidas

DOURADOS
Acusado de matar secretário pode ter tido surto de esquizofrenia
BR-163
Casal que morreu ao bater em carreta morava em Campo Grande
PANDEMIA
Dourados confirma mais três óbitos por coronavírus e ultrapassa 3 mil casos
PANDEMIA
Comerciante de 45 anos é a 37ª vítima do coronavírus em Dourados