Menu
Busca Sábado, 18 de Novembro de 2017
(67) 9860-3221

Sem terra exigem área para acampamento próximo a Capital

15 Dezembro 2003 - 17h30

O ouvidor agrário, Ulisses Duarte, se reuniu hoje com os representantes do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) que estão acampadas na beira da rodovia, no grande anel que liga São Paulo a Sidrolândia. O ouvidor informou que a reunião não foi produtiva. “Os sem-terra exigem que os colchões, fogões e armários retirados dos barracos na semana passada sejam devolvidos” informou Duarte.De acordo com o ouvidor a mobília dos 16 barracos derrubados pela prefeitura e por policiais estão no Centro de Triagem do Migrante (Cetremi). Duarte informou ainda que as famílias exigem um local para acampar fora da cidade, mas em um local de acesso a Campo Grande. “O governo do Estado e o Incra não disponibilizaram um local” informou Duarte.Depois de terem sido retiradas da beira da rodovia por policiais e funcionários da Prefeitura de Campo Grande na madrugada da última quinta-feira, as famílias de sem-terra voltam para o mesmo local. Os integrantes do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) denunciam que houve violência na ação da prefeitura de retirada das famílias. Homens e mulheres passaram o sábado montando os barracos. Desta vez, os sem terra garantem que não vão sair do local. A diretoria da Empresa de Habitação do Município (Emha) argumentou que a beira da rodovia representa perigo para os acampados. O diretor da Emha, Carlos Marum, disse, por telefone, que não haverá ação de retirada das famílias como houve esta semana. Segundo o ouvidor agrário, Ulisses Duarte, o prefeito da Capital será comunicado das exigências dos sem-terra.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Em 40 minutos, chuva quase ultrapassa acumulado em 17 dias
REFORMA
Estudo aponta tendência de precarização do trabalho no Brasil
CAPITAL
Homem é morto a tiros de chumbinho após discussão
BRASILEIRÃO
Série B pode definir campeão neste sábado
CANAÃ I
Empresário é rendido por dupla e tem R$ 18 mil roubados
POLÍCIA
Idoso cai em golpe do falso-frete e é roubado em Dourados
CAMPO GRANDE
Procon autua duas óticas por venda casada de produtos
RIO DE JANEIRO
Picciani, Melo e Albertassi deixam prisão, mas têm bens bloqueados pelo TRF2
SERÁ?
"Viajante do tempo" alerta para invasão alienígena em MS
CONTRABANDO
Carretas são apreendidas com 700 mil maços de cigarros ilegais

Mais Lidas

DESAPARECIDO
Estudante desaparece e deixa família desesperada em Dourados
DOURADOS
Estudante é encontrado pela família após horas desaparecido
DÉFICIT DE R$ 21 MILHÕES
Prefeitura declara “emergência financeira” na Funsaud
TRÁFICO
Traficante zomba da polícia em grupos de WhatsApp e acaba preso