Menu
Busca Sexta, 24 de Novembro de 2017
(67) 9860-3221
Sertão - Novembro 2017

São Paulo quer vingança contra o Inter/RS em Porto Alegre

07 Dezembro 2003 - 12h26

Para os são-paulinos, a vingança é, sim, um prato que se come cru. Neste domingo, às 17 horas, contra o Internacional, em Porto Alegre, os comandados do técnico Roberto Rojas querem que o rival experimente um pouco da hostilidade de que foram vítimas no primeiro turno ao perderem em casa para o adversário desta tarde.No jogo anterior entre as duas equipes, o São Paulo buscava a vice-liderança, estava em paz com seus torcedores e vinha em ascensão. Mas os gaúchos venceram por 2 a 0. O time do Morumbi entrou em crise, foi chamado de "pipoqueiro" pelos torcedores e alcançado pelo Coritiba.Com vaga assegurada na Libertadores, os são-paulinos querem agora dar o troco no rival, quarto no Brasileiro, com 71 pontos, que disputa com São Caetano, Coritiba e Atlético-MG as duas vagas restantes no torneio continental."O Inter está brigando por uma vaga na Libertadores, e o estádio vai estar cheio. Além disso, queremos dar o troco daquela derrota, complicar para eles e dar mais emoção ao campeonato", declarou o goleiro Roger, que amanhã vai substituir o titular Rogério, capitão do time, que está contundido."Já conseguimos a classificação [para a Libertadores] e vamos terminar o ano em alta. Mas o campeonato ainda não acabou para eles", disse o zagueiro Jean.Em situação confortável, Rojas colocará em campo uma formação com dois homens à frente. Rico e Diego Tardelli formarão o ataque. Os dois marcaram nos 2 a 0 sobre o River Plate na última quarta-feira --a equipe acabou eliminada da Copa Sul-Americana na disputa de pênaltis."Será melhor assim. Sempre é mais fácil atuar com um companheiro ao lado", disse Tardelli.A dupla tentará superar a ausência de Luis Fabiano, goleador são-paulino no Brasileiro, com 29 gols. O atleta, que fora expulso contra o River Plate por agredir um adversário, teve sua pena de quatro jogos mantida pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, contrariando recurso do clube, pelo cartão vermelho recebido contra o Corinthians.Dessa forma, o atacante, que ainda almeja a artilharia da competição, só poderá voltar ao time na partida contra o Flamengo, pela última rodada. Além de Luis Fabiano, o São Paulo não terá o lateral-direito Gabriel, suspenso. Leonardo, que ainda não atuou desde que voltou da reciclagem com Cilinho no time B, será o substituto."Venho esperando nova oportunidade e, apesar de o time já estar classificado, essa partida será muito especial para mim", disse Leonardo.O Inter não poderá contar com o zagueiro Wilson, suspenso, e os atacantes Daniel Carvalho e Nilmar, que estão com a seleção sub-20 no Mundial dos Emirados Árabes --o atacante são-paulino Kléber também está lá. Assim, retornam ao time o atacante Jéfferson Feijão e os meias Cleiton Xavier e Élder Granja.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUU!!!
Dani Suzuki curte surf trip entre amigas e mostra corpo escultural
GUERRA AO AEDES
Governador destaca queda de 92% nos casos de dengue, mas ainda alerta sobre o combate
POLÍTICA
Rosalin vê frustração, mas não desmerece auxílio financeiro pela metade
TV CULTURA
Fórum quer “comercializar“ mais de 120 mil horas do acervo das Emissoras Públicas Brasileiras
MS
IFMS propõe oferta de cursos a distância a prefeitos
CONSUMIDOR
Comissão aprova obrigatoriedade de carro reserva em caso de demora no conserto
CAMPO GRANDE
Júri de acusado de matar segurança será realizado amanhã com transmissão simultânea
ECONOMIA
Dólar fecha em queda, de olho em reforma da Previdência
Dólar fecha em queda, de olho em reforma da Previdência
BRASIL
Cinemas comerciais devem garantir acessibilidade até novembro de 2018
OPORTUNIDADE
TCE abre inscrições para curso direcionado aos profissionais do SUS

Mais Lidas

DOURADOS
Ação termina com 6 presos e R$ 3,5 milhões apreendidos
DNA
PF faz ação contra o tráfico em Dourados e cidade vizinha
TRÁFICO
Douradense é preso com mais de 150kg de pasta base no RS
DOURADOS
Servidores bloqueiam Guaicurus em protesto por melhor educação pública