Menu
Busca segunda, 17 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

São Paulo e Flamengo fazem "jogo de compadres" contra CBF

14 dezembro 2003 - 09h02

Para São Paulo e Flamengo, o confronto deste domingo, às 17h(MS), no estádio Morumbi, pouco importa. Os dois clubes encerram suas participações no Brasileiro deste ano mais unidos do que nunca.Na sexta-feira, o presidente eleito do clube carioca, Márcio Braga, esteve no Morumbi para acertar apoio à cruzada que pretende reformular o futebol brasileiro. O movimento, acima de tudo, tem intenção de desvincular os clubes da CBF de Ricardo Teixeira e culminar na criação da liga independente de clubes em 2005."Eu sempre tive boas relações com eles [são-paulinos]. E, sem dúvida, estão conosco nesse processo de reformulação do futebol brasileiro", afirmou Braga, que se reuniu também com dirigentes corintianos e que no sábado encontrou o vascaíno Eurico Miranda. "Com os maiores clubes de São Paulo e Rio de Janeiro juntos, poderemos estabelecer mudanças", declarou o flamenguista.Braga, que mantém relacionamento de longa data com a atual cúpula do São Paulo, saiu muito satisfeito do encontro. "Nós sempre quisemos isso [a união]. Ele [Márcio Braga] é nosso companheiro histórico. Vamos tocar isso", disse o diretor de futebol são-paulino, Juvenal Juvêncio.As duas diretorias agora pretendem angariar novos membros para negociar com a CBF. "Nossa idéia não é brigar com a CBF. É fazer como o governo brasileiro faz com o governo americano. Aperta as mãos, tira fotos junto, mas na mesa de negociações da Organização Mundial do Comércio mantém firme suas posições", afirmou Braga.Se fora de campo as duas equipes estão alinhadas, dentro dele a situação não é diferente. Os dois clubes se reestruturam para 2004. Rojas, no São Paulo, e Waldemar de Oliveira, no Flamengo, fazem suas despedidas do comando técnico das equipes.Além de Oliveira, que já anunciou a sua saída, mais de dez jogadores deverão sair do Flamengo.O São Paulo, que contratou o técnico Cuca para a próxima temporada, deve apresentar reforços nesta semana. O meia Danilo, do Goiás, é o primeiro a chegar. Os zagueiros Fabão, também do Goiás, e Rodrigo, da Ponte Preta, estão próximos de um acerto. SÃO PAULORogério; Gabriel, Jean, Lugano e Fábio Santos; Adriano, Alexandre, Fábio Simplício e Souza; Diego Tardelli e Luis Fabiano.Técnico: Roberto Rojas FLAMENGOJúlio César; Rafael, Henrique, Fabiano Eller e Anderson; Ibson, Júnior (Luciano Baiano), Jônatas, Felipe e Fernando Diniz; Edílson.Técnico: Waldemar de Oliveira Local: estádio Morumbi, em São Paulo (SP)Horário: 17h(MS)Juiz: Leonardo Gaciba (RS)

Deixe seu Comentário

Leia Também

BENEFÍCIO
Saque do FGTS 100% digital é lançado pela Caixa
POLÍTICA
Em carta, 20 governadores reclamam de postura do presidente Bolsonaro
ATUALIZAÇÃO
Número de casos suspeitos de coronavírus no Brasil continua em três
IGUATEMI
Após agredir esposa, policial mata sogro com tiro no peito em fazenda
JUSTIÇA
Sucessor de Minotauro é denunciado por posse de arma de fogo
QUEIMA
Polícia incinera mais de 3 toneladas de drogas
DOURADOS
Sensação térmica chega próximo a 40ºC em dia de temperatura mais alta do ano
CAMPO GRANDE
Estelionatário que vendia produtos falsificados pela internet é preso em flagrante
COTAÇÃO
Dólar abre a semana em alta e chega a R$ 4,32
MS-384
Ministério Público instaura inquérito para apurar condições de rodovia

Mais Lidas

DOURADOS
Ferido com tiro no peito, entregador chega pilotando moto na UPA
VILA SÃO BRÁS
Venezuelanos são flagrados consumindo maconha em bairro de Dourados
DOURADOS
Líderes de motim que causou estragos na Unei são levados à delegacia
DOURADOS
VÍDEO: Internos 'batem grade' e queimam colchões em princípio de rebelião na Unei