Menu
Busca quarta, 26 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Ricardo Teixeira recebe Zeca do PT na CBF

12 agosto 2002 - 09h32


O presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Ricardo Teixeira, recebe amanhã, no Rio, o governador de Mato Grosso do Sul, José Orcírio dos Santos, o Zeca do PT.
A comitiva do político _que deve ter ainda o candidato ao Senado pelo PT do MS, Delcídio do Amaral, e o presidente da federação de futebol do Estado, Francisco Cezário_ vai ser recepcionada às 10 horas da manhã na nova sede da CBF, na Barra da Tijuca. Em seguida, Teixeira almoçará com o grupo, provavelmente no Itanhangá Golf Club, no mesmo bairro.
É a primeira vez que o presidente da CBF, entidade tradicionalmente ligada a políticos conservadores, aproxima-se publicamente de um partido de esquerda.
Nas CPIs que investigaram o futebol no Congresso, o dirigente foi bombardeado por parlamentares de legendas de esquerda e centro-esquerda e defendido por políticos de partidos de direita.
Quando o Planalto rompeu com o PFL, ao qual a CBF sempre foi simpática, Teixeira também se afastou do poder central, mas acabou levando a seleção a Brasília após a conquista da Copa, satisfazendo um desejo de FHC.
Eleitor de Ciro Gomes, Teixeira vai ajudar na campanha do candidato do PPS à Presidência. Em 21 de agosto próximo, a seleção faz um amistoso festivo, o primeiro após o penta, no maior reduto eleitoral de Ciro, o Ceará.
Ao abrir as portas da CBF ao PT, Teixeira quer mostrar que, embora sua "pessoa física" vote em Ciro, a entidade é pluripartidária.
O dirigente visa também acalmar o comando de campanha de Lula, que, segundo a Folha apurou, assustou-se com a possibilidade de a CBF formalizar apoio a Ciro. Teixeira, que após a Copa recebeu telefonemas de parabéns dos quatro principais candidatos à Presidência, mandou dizer aos petistas que isso não ocorrerá.
Zeca do PT _que apesar de carregar o partido no apelido integra a chamada "direita petista"_ vai agradecer a Teixeira por incluir Campo Grande no roteiro da Taça Fifa, que estará na cidade nos dias 25 e 26, e convidar o cartola para levar pessoalmente o troféu.
O governador, candidato a reeleição e líder nas pesquisas, vai ainda pedir a Teixeira que a capital do Mato Grosso do Sul receba jogos de grandes times do Brasileiro _o Estado não tem time nas Séries A ou B.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Órgãos públicos estaduais retomam atendimento às 13h desta quarta-feira
MERCADO FINANCEIRO
Ações: como começar a investir
REGIÃO
Delegado pede prisão de acusado pelo assassinato de ex-prefeito e governo decreta luto por 3 dias
FUTEBOL
Flamengo e Independiente del Valle decidem hoje a Recopa SUl-Americana
COMER BEM
Marmita Torre: comodidade e praticidade no dia-a-dia das famílias
DOURADOS
Casal agride mulher e leva celular dela em assalto no Centro
Educação
Hiperpoliglotismo: tudo sobre a habilidade de falar muitos idiomas
SUSPEITA EM SP
Isolamento domiciliar em caso suspeito de coronavírus é previsto em MS
DOURADOS
Após furtar compra de R$ 678, mulher paga mais de R$ 1 mil para responder em liberdade
FUTEBOL AMADOR
Congresso técnico define últimos detalhes da Copa Abevê, que terá 28 equipes

Mais Lidas

DOURADOS
Ex-prefeito de Amambai não resiste e morre no Hospital do Coração
MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
ATENTADO
Aeronave pousa em Dourados e fica a disposição de Lanzarini
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar