Menu
Busca segunda, 21 de janeiro de 2019
(67) 9860-3221

Restauração do Santo Sudário causa polêmica

10 agosto 2002 - 09h46


Os últimos trabalhos de restauração do Santo Sudário, uma das relíquias mais importantes do cristianismo, deram início a uma grande polêmica por causa da retirada de alguns remendos que foram feitos durante a época medieval.
O trabalho foi feito, entre junho e julho, por uma equipe liderada pela especialista suíça Mechtild Flury-Lemberg e com a autorização da diocese de Turim, no norte da Itália. O Santo Sudário é o pano que, diz a tradição, envolveu o corpo sem vida de Jesus. Ele é conservado na catedral de Turim.
Agora vários especialistas criticaram o reparo, pois afirmam que a relíquia sofreu uma grande modificação em relação a seu estado original. A maior reclamação é proveniente da retirada de 30 remendos triangulares que foram costurados pelas Clarissas de Chambery (França) depois do incêndio que danificou a mortalha, em 1532. O trabalho feito recentemente pela especialista também incluiu a retirada do chamado "tecido da Holanda", que foi costurado ao sudário para favorecer sua conservação.
No entanto, um porta-voz do cardeal Severino Poletto, bispo de Turim e protetor do Sudário, afirmou que a restauração contou com a autorização da Santa Sé e foi feita seguindo as indicações dos maiores especialistas mundiais em Sindologia. A mesma fonte afirmou que os resultados das últimas pesquisas científicas feitas sobre a relíquia, levada temporariamente para a sacristia da catedral, serão divulgados em setembro.
O Vaticano nunca aceitou como definitivos os resultados dos testes de carbono-14, feitos por vários laboratórios em 1989, que concluíram que a mortalha data da Idade Média, entre os anos 1260 e 1390. O Santo Sudário é um pano de 1,36 metros de comprimento por 1,10 de largura, com marcas de cor sépia que desenham, em negativo, uma silhueta humana de tamanho natural e que teria coberto o rosto de Cristo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Dólar fecha em leve alta com mercado atento à viagem de Bolsonaro a Davos
TEMPO INTEGRAL
Publicada Resolução que organiza currículo e estrutura administrativa de escolas
POLÍCIA
Divulgado nome dos envolvidos em sequestro que contou com assaltante morto
BRASIL
BNDES altera destinação de recursos ao Museu Nacional
DOURADOS
Dezenas protestam por valores cobrados em contas de energia
OPORTUNIDADE
UEMS abre vagas para Administração e Pedagogia em Maracaju
BRASIL
Mourão: tempo de contribuição de militares pode ser maior com reforma
BR-262
PRF aponta “erro” em divulgação de suicídio como causa de acidente com três mortes
POLÍTICA
Ministra diz que ouvidor agrário nacional foi exonerado porque era ligado ao PT
CONCORRÊNCIA
IFMS registra 11,5 mil candidatos em concurso para técnicos

Mais Lidas

IVINHEMA
Assaltante é morto após invadir chácara, sequestrar duas vítimas e tentar roubar carros
FRONTEIRA
Jogador de futebol, ‘Alicate’ é executado com 26 tiros de fuzil
MONTE LÍBANO
Homem é preso acusado de tráfico de drogas por atacado
PARQUE DO LAGO
Casal é preso por promover festa para adolescentes com bebida alcoólica