Menu
Busca sábado, 21 de setembro de 2019
(67) 9860-3221

Repartições estaduais fecham amanhã a partir do meio-dia

23 dezembro 2003 - 09h13

O governo de Mato Grosso do Sul publicou no Diário Oficial de 11 de dezembro, decreto estabelecendo ponto facultativo em todas as repartições públicas estaduais nos dias 26 de dezembro e 2 de janeiro de 2004. A decisão assinada pelo governador Zeca do PT não incluiu serviços essenciais, como polícia, bombeiros e atendimento hospitalar, que vão funcionar normalmente. Nas vésperas do Natal e do Ano Novo, amanhã e no dia 31, o ponto facultativo será a partir do meio-dia, com exceção para os serviços essencias, cujo atendimento não pode parar. No último dia 12 foi publicada, no Diário Oficial, a resolução da Secretaria de Estado de Gestão Pública definindo os períodos de recesso do Natal, que começou ontem, e se estende até sexta-feira 26, e do Ano Novo, de 29 de dezembro e 2 de janeiro. Os servidores públicos foram divididos em dois grupos: um folga no primeiro período e trabalha no segundo, e vice-versa. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU!
Bianca Bin quebra a web ao publicar foto exibindo parte dos seios
DOURADOS
Universidades executam parceria em Pesquisa com Seres Humanos
POLÍTICA
Deputado estadual é criticado por fazer copia e cola de lei federal
SIDROLÂNDIA
Vazamento de amônia em frigorífico deixa funcionários com sintomas de intoxicação
CURSO
Agepen finaliza a formação de 453 futuros agentes penitenciários
SAÚDE
Estudo revela compostos que podem combater a tuberculose
CULTURA
10º Festival Internacional de Teatro de Dourados começa dia 25
BRASIL
Entenda o que muda com a lei da liberdade econômica
CAARAPÓ
Homem é preso em flagrante transportando maconha em ônibus
2020
Cowboy de Itaquiraí conquista vaga para Jogos Paralímpicos de Tóquio

Mais Lidas

SETEMBRO AMARELO
Sem perceber sinais, Silvânia perdeu a filha e hoje reconhece a necessidade da escuta
BARBÁRIE
Após matar criança afogada, pai ligou para ex e inventou sequestro
DOURADOS
Bêbado é preso após bater carro e derrubar muro
POLÍCIA
Jovem é executado por pistoleiros em Ponta Porã