Menu
Busca terça, 21 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221

Recibo compromete assessor de deputado em operação sanguessuga

13 agosto 2006 - 06h32

O ex-assessor parlamentar Jamil Naglis Neto, atualmente respondendo pela Agência de Imprensa Oficial do governo de Mato Grosso do Sul, foi beneficiado com dois depósitos, de R$ 9 mil e R$ 6 mil, respectivamente, ao intermediar operações de compra superfaturada de ambulâncias, em decorrência do cargo que chegou a ocupar junto ao gabinete do deputado federal João Grandão (PT/MS), um dos citados na operação sanguessuga. De acordo com documentos obtidos pelo Dourados News, Jamil já não integrava mais o quadro de assessores do deputado quando se envolveu com o esquema, mas teria sido cooptado para essa operação agora conhecida como "máfia das ambulâncias" pelas ligações que adquiriu ao longo do tempo com o lobbysta Francisco Machado Filho, que tem livre trânsito pelos gabinetes oficiais de Brasília. O jornalista Clóvis de Oliveira propõe um debate sobre esse escândalo que ganha novas dimensões a partir do momento em que o próprio parlamentar perde o controle das atividades desenvolvidas sob a responsabilidade do gabinete.

Deixe seu Comentário

Leia Também

APARECIDA DO TABOADO
Homem escapa de sequestro durante abastecimento em posto de combustíveis
POLÍTICA
MPF defende anulação dos atos de Alvim na Secretaria de Cultura
CAMPO GRANDE
Após 17 dias, gêmeas siamesas ligadas pelo tórax morrem em hospital
JUSTIÇA
Jornalista britânica conhece em MS programas de proteção à mulher
ACIDENTE
Corpo de bióloga que morreu no Peru chega a MS na próxima 4ª-feira
POLÍTICA
MP 905 é tema reunião entre Reinaldo Azambuja e procurador-geral do MPT
CAPITAL
Laudo preliminar sobre morte de veterinária confirma cocaína em quarto
LINGUAGEM IMPRÓPRIA
Em decisão juiz ataca governo e diz que País vive "Merdocracia Neoliberal"
COSTA RICA
Homem fura pulmão de adolescente e foge, mas deixa documentos cair
JUDICIÁRIO
Juíza eleitora cassa mandato do vice-presidente da Câmara de Coxim

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é flagrado correndo pelado na Presidente Vargas
PARAGUAI EM ALERTA
Membros do PCC fogem de prisão em Pedro Juan; ao todo já são considerado 75 foragidos
BELLA VISTA DO NORTE
Ex-prefeito de cidade paraguaia vizinha a MS é executado a tiros
GUARDA
Traficante que queria ganhar R$ 12 mil vendendo drogas é presa em Dourados