Menu
Busca sábado, 23 de março de 2019
(67) 9860-3221

Rali Paris-Dakar 2004 bate recorde de participantes

19 dezembro 2003 - 12h22

O Rally Paris-Dakar, a maior e mais perigosa competição off road do mundo, terá um número recorde de participantes na edição 2004, com 607 inscritos entre motos, carros, caminhões, quadriciclos e veículos de assistência. O recorde anterior é de 1988, com 603 participantes. A largada será em Clermont Ferrand, na França, no dia 1o de janeiro, e a chegada está prevista para o dia 18 nas praias de Dakar. Pilotos de mais de 30 nacionalidades estarão percorrendo 11.090 quilômetros por sete países da Europa e África: França, Espanha, Marrocos, Mauritânia, Mali, Burkina Fasso e Senegal. Entre os inscritos está a equipe Petrobras Lubrax, formada por André Azevedo, Jean Azevedo, Klever Kolberg e Lourival Roldan, única representante do Brasil na competição. Eles embarcarão para a Europa no dia 25 de dezembro.Pela primeira vez na história o time brasileiro correrá com chances reais de conquistar resultados inéditos na classificação geral em motos e caminhões. Jean Azevedo vai usar uma motocicleta KTM semi-oficial de 700 cilindradas, mais potente que a utilizada na edição 2003, quando foi bicampeão da categoria Production e quinto na geral. O paulista de 29 anos estará correndo na categoria Super Production, onde a preparação e a manutenção são praticamente ilimitadas.André Azevedo, vice-campeão na geral no último Dakar ao lado dos checos Tomas Tomecek e Mira Martinec, espera pelo menos repetir o excelente resultado da edição passada. “Agora só falta um degrau”, comenta André, que correrá novamente com um caminhão Tatra.O Mitsubishi Pajero Full da equipe Petrobras Lubrax, embora seja o veículo que mais recebe investimentos para desenvolvimento, está fora da briga pelas primeiras colocações na classificação geral. “As equipes de fábrica têm investido milhões e milhões de dólares na construção de carros super-preparados e aí a briga é desleal. Se o nosso Pajero custa 300 mil dólares, um carro de ponta custa dez vezes mais”, comparou Kolberg. Ele pretende melhorar o bom resultado do Dakar 2003, quando terminou em terceiro na categoria Super Production Diesel, que em 2004 terá 62 concorrentes. Para 2005 o plano da equipe é participar do Dakar com um novo carro, mais desenvolvido, tentando igualar à condição que a equipe já conquistou nas motos e caminhões.A Petrobras Lubrax é a única equipe do mundo inscrita nas três categorias: carro, moto e caminhão. E também entrou para a história na chegada do Paris-Dakar 2003 quando subiu ao pódio três vezes simultaneamente. O Dakar 2003 começou em Marselha, na França, e terminou em Sharm El Sheikh, no Egito. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Agehab vai aos bairros para regularização de loteamentos sociais
PONTA PORÃ
Adolescente é apreendida com maconha que levaria para São Paulo
LUTO
Ator e diretor Domingos Oliveira morre aos 83 ans no Rio de Janeiro
FUTEBOL
Paquetá marca, mas Brasil só empata com Panamá em amistoso
BRASIL
Caminhoneiros se mobilizam para nova paralisação, mostra monitoramento
IVINHEMA
Médico veterinário morre em acidente de moto na MS-276
CICLISMO
Desafio das Araras de Mountain Bike abre inscrições para 2ª etapa
TRÊS LAGOAS
Homens tentam dar calote de R$ 4,5 mil em boate e acabam na delegacia
VIOLÊNCIA
Líder rural é assassinada a facadas em assentamento no sudeste do Pará
DOURADOS
Homem é assaltado por trio quando trafegava próximo ao shopping

Mais Lidas

HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
LUTO
Fundadora da ADL, Ruth Hellman morre em Dourados
DOURADOS
Protesto contra a Reforma da Previdência leva centenas ao Centro
DOURADOS
Trio que matou e roubou cabeleireiro é condenado a 62 anos de cadeia