Menu
Busca quinta, 21 de junho de 2018
(67) 9860-3221

PT vai decidir domingo sobre expulsão de parlamentares

08 dezembro 2003 - 16h02

Os 81 membros do Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT) vão decidir no próximo domingo (14), quando estarão reunidos, em São Paulo, pareceres dos cinco membros da Comissão de Ética e Disciplina do PT, com a indicação de expulsão da senadora Heloísa Helena (AL) e dos deputados Babá (PA) e Luciana Genro (RS), por desobediência à orientação partidária e voto contra as reformas do governo.A reunião do Diretório Nacional servirá também para uma avaliação sobre um ano de governo Lula, o que tomará os debates no sábado (13) e domingo (14).Sem ter passado pela Comissão de Ética, o Diretório decidirá também denúncia contra o deputado João Fontes (SE), por ter divulgado à imprensa uma fita com a gravação de uma conversa do presidente Lula com parlamentares do PT, também com indicativo de expulsão.O presidente nacional do PT, que presidirá a reunião do Diretório Nacional, ex-deputado José Genoíno, não está em Brasília hoje, mas a posição da direção partidária foi demonstrada pelo deputado Paulo Delgado (MG) que, em nome do partido, respondeu por escrito a críticas feitas por alguns intelectuais estrangeiros, como o escritor americano Noam Chomsky e o cineasta Ken Loach, entre outros, publicadas sexta-feira no jornal inglês “Socialist Resistance”.Na resposta às críticas internacionais de que o PT “perdeu sua tradição de democracia, de pluralismo e tolerância”, referindo-se à iminente expulsão dos quatro parlamentares petistas, Paulo Delgado, secretário executivo de relações internacionais do partido, respondeu que “para ser tolerante é preciso saber o que é intolerável” e, citando exemplos do passado, como a expulsão de três deputados que votaram na eleição indireta de Tancredo Neves, pelo Colégio Eleitoral, em 1985, e a suspensão de Luiza Erundina enquanto ela foi ministra do governo Itamar Franco, Delgado afirma que os quatro parlamentares estão querendo passar por vítimas e estão confundindo “liberdade de opinião sempre com estado fugaz de avacalhação”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRONTEIRA
Homem é assassinado a tiros ao tentar defender filho
SOLIDARIEDADE
Rede Abevê entrega mais de 7,5 mil agasalhos
ESTADUAL
Cena vence Pontaporanense e fica perto da classificação
ARQUITETURA
Área gourmet fica mais amplo depois de ser integrada com a sala
PARANHOS
Vice assume prefeitura uma semana após atentado contra Dirceu Bettoni
ECONOMIA
Dourados tem aumento na geração de empregos em 2018
PESAR
Corpo de Ailton Stropa é velado em Dourados
LAVA JATO
PF deflagra operação contra desvio de recursos de obra em SP
ÔNIBUS DA SAÚDE
Jateí recebe atendimento de Oncologia no próximo sábado
UNIGRAN
Acadêmicos de Design de Interiores aprendem a influência das cores nos ambientes

Mais Lidas

MS-276
Acidente entre trator e caminhonete mata homem em Dourados
COMPLICAÇÃO APÓS CIRURGIA
Juiz aposentado e ex-diretor da Agepen, Ailton Stropa, morre em São Paulo
RESERVA INDÍGENA
Homem é flagrado nu sobre menina de 7 anos em Dourados
SÃO PAULO
Jovem desaparecido há duas semanas foi preso com 74 kg de cocaína