Menu
Busca sexta, 22 de março de 2019
(67) 9860-3221

PT pode ir à Justiça se Câmara arquivar “Caso Hora”

02 dezembro 2003 - 13h44

O presidente em exercício do PT em Dourados, o secretário municipal de Educação, Antonio Leopoldo Suypene, disse nesta manhã que o partido poderá recorrer à Justiça comum se a Câmara arquivar a denúncia de quebra de decoro, feita pelo PT contra o vereador Walter Hora (PPS). O arquivamento será recomendado pela Comissão Processante instalada para investigar o pedido de cassação. Walter Hora é acusado de dano ao patrimônio público por depredar uma ciclovia na periferia de Dourados. O parecer recomendando o arquivamento deve ser votado na sessão desta terça-feira e precisa ser aprovado por no mínimo 12 dos 17 vereadores. Suypene afirma “desconhecer” a legislação citada pelo presidente da comissão, Carlinhos Cantor (PL), segundo a qual, o dirigente não teria legitimidade para fazer a denúncia por acumular os cargos de secretário de Educação e de presidente do PT. “Quem fez a denúncia foi a Executiva do partido”, afirmou Suypene.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL
Mulher é presa acusada de simulou sequestro para a própria família
TECNOLOGIA
Anatel inicia bloqueio de celulares 'piratas' em 15 estados no domingo
CAPITAL
Homem tenta matar a irmã com golpes de facão e acaba preso
MAIS CARO
Preço da gasolina sobe nos postos pela 4ª semana seguida, diz ANP
BATAYPORÃ
Ladrões furtam 14 instrumentos musicais da banda marcial
ITINERANTE
Atendimento da Carreta em Guia Lopes bate recorde de ações
CRIME AMBIENTAL
Campo-grandense é multado em R$ 15 mil por desmatamento ilegal
MARCO AURÉLIO
Ministro do STF nega liberdade ao ex-governador Moreira Franco
TRÊS LAGOAS
Para mulher reatar, homem envia foto com facão e filha no colo
TELEVISÃO
Atriz Claudia Rodrigues é internada em UTI de clínica no Rio

Mais Lidas

HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
DOURADOS
Tripla colisão deixa dois feridos em cruzamento movimentado
DOURADOS
Universitária morre no HV quatro dias após acidente de moto
RIO BRILHANTE
Dono de oficina baleado pela manhã morre no Hospital da Vida