Menu
Busca sexta, 23 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
Corpal - Dezembro 2017
LEIA MULHERES

Professora da Unigran medeia estudo de literatura feminina em Dourados

15 fevereiro 2018 - 10h07Por Da redação

Incentivar a prática à leitura, acesso rápido e dinâmico a obras literárias dos mais diversos temas, porém, com uma particularidade: escritas apenas por mulheres. Essa é a ideia principal do projeto ‘Leia Mulheres’ que, no Brasil, teve início em 2015.

Único no Estado, em Dourados, grupo teve a primeira reunião no dia 20 de janeiro, no quiosque do Parque do Lago e reuniu 15 participantes. Os encontros serão realizados todos os últimos sábados de cada mês, em locais e horários a serem definidos.

Com temáticas fortes, o intuito é, inclusive, quebrar tabus e desmistificar assuntos que teoricamente geram algum tipo de pré-conceito na sociedade, além de abranger temas de todos os tipos, adaptando-os para a atual realidade.

Na cidade, o grupo de discussão é mediado pelas professoras Andréia de Oliveira Iguma e Grazielli Alves de Lima, ambas graduadas na área da linguagem. De acordo com a professora Andréia, o mercado editorial ainda é bastante restrito a obras escritas por mulheres o que acaba não dando tanta visibilidade para a linha feminina de escritoras.

“Nossa ideia é trazer, para pessoas de todos os gêneros, os mais diferentes tipos e títulos de obras escritas especificamente por mulheres. Por isso é tão importante divulgar esse projeto, já que o mercado editorial ainda é muito restrito na propagação dessas obras”, diz Iguma.

De acordo com Grazielli, as obras são lidas e estudadas antes de cada reunião, que acontece aos sábados, geralmente o último de cada mês. O próximo encontro será realizado no dia 24 de fevereiro, na Aduf – Rua Arthur Frantz, 290 – Parque Alvorada. A obra escolhida é da escritora Margaret Atwood, “O Conto da Aia”.

“É importante salientar que todas as pessoas interessadas podem participar dos estudos, não é uma reunião voltada apenas para mulheres, apenas as obras que precisam especificamente ser escrita por mulheres”, finaliza Lima.

Interessados em ficar por dentro dos encontros e de todas as novidades acerca do grupo ‘Leia Mulheres’ de Dourados, basta acessar o grupo no Facebook para mais informações.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Atriz Agatha Moreira tem nova foto divulgada em ensaio
OURO DE OFIR
Justiça nega liberdade a suspeito de chefiar grupo que aplicava golpes
SEM TARIFA
Trabalhadores poderão transferir salário para contas digitais
DOURADOS
Suspeito de atirar em mulher durante assalto é preso
CAMPO GRANDE
Família perde tudo após registro do botijão de gás falhar e incendiar casa
INTERVENÇÃO FEDERAL
Novo secretário de Segurança do RJ será general da ativa do Exército
CHUVA
Mecânico perde 7 carros de clientes com cheia do Rio Aquidauana
TRÁFICO
Polícia apreende no Paraná meia tonelada de maconha que saiu de MS
JUSTIÇA
Acusado de feminicídio é condenado a 12 anos de prisão
UFGD
Publicado resultado preliminar da seleção para Tutor UAB 2018

Mais Lidas

MS-276
Homem morre em acidente entre Indápolis e Lagoa Bonita
DOURADOS
Mulher é baleada durante assalto na avenida Indaiá
DOURADOS
Fundadora de creche vai à polícia após denúncia de agressão
AVENIDA INDAIÁ
Baleada em assalto em Dourados passa por cirurgia