Menu
Busca domingo, 18 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Primeiro é necessário educar, depois pensar em punição

02 julho 2015 - 06h26

Diante das mais diversas opiniões e discussões referentes a reduzir ou não a maioridade penal de 18 para 16 anos, um dado importante, mais ainda do que penalizar ou não o menor infrator, acabou ficando de lado no trato dessas medidas: porque existe pouco interesse por parte dos nossos governantes em investir pesado na educação das crianças?

Muito se falou dos crimes e delitos cometidos ao longo dos meses que se travaram nesse debate, porém, apenas o fato de se colocar atrás das grades por mais tempo aquele que cometer atos considerados hediondos possa não parecer algo que resolva a situação nos próximos 50, 60 anos.

Pior ainda, o já falido sistema carcerário brasileiro afundará mais diante da falta de espaço e de investimento para os internos que ali ficarão e a tentativa de ressocialização continuará na estaca zero diante da organização do crime atualmente.

A aprovação da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que trata o assunto na noite de quarta não deve significar vitória por parte dos favoráveis a medida, e sim como uma chance de se melhorar o que hoje não funciona.

É preciso pensar a longo prazo, visar um plano capaz de ocupar esses menores com atividades sadias e intelectuais, e uma das maneiras de se fazer isso é investindo em educação de qualidade.

Que sejam seguidos exemplos de países onde as crianças possuem atividades extracurriculares após as aulas, para que ocupem o tempo e fiquem cada vez menos reféns da criminalidade, ao invés de andar na contramão fechando-se salas de aula ou aumentando tempo de menores nas unidades educacionais.

A discussão é ampla e o debate deve receber essa atenção também, porque afinal, não é colocando cada vez mais pessoas nas cadeias que conseguiremos evoluir e diminuir a criminalidade no país.

O Brasil precisa de educação!

Quando isso começar a ser levado a sério, iniciaremos nossa caminhada rumo a evolução e diminuição da quantidade de crimes.


Deixe seu Comentário

Leia Também

TRANSFORMADOR
Manutenção pode provocar falta de água em todos os bairros de Dourados
VILA VARGAS
Final do 16º Interdistrital de Futebol será realizado neste domingo
FACADAS
Traficante brasileiro mata namorada dentro de cela no Paraguai
TEMPO
Domingo nublado com possibilidade de chuva em Dourados
POLÍTICA
Comissão sobre Escola sem Partido faz nova tentativa de votar relatório
POLÍTICA
Em encontro com Maia e Bolsonaro, governadores defendem votação de projetos para enfrentar crise
ECONOMIA
União já pagou este ano R$ 3,5 bi em dívidas atrasadas dos estados
TRÊS LAGOAS
Homem cai em golpe ao tentar comprar carro na internet
MATO GROSSO DO SUL
Edital para inserção de jovens no mercado de trabalho está aberto até dezembro
Processo visa a seleção de entidades que possam atuar, em parceria com a SED, no acompanhamento de estudantes, matriculados no ensino médio, para a atuação profissional.
TV
Samantha Schmütz celebra papel dramático em 'Carcereiros': 'Porta para o público me ver de uma maneira diferente'

Mais Lidas

DOURADOS
Bandido armado faz arrastão do Flórida ao Centro durante a noite
DOURADOS
Dupla desobedece ordem de parada, é perseguida e acaba presa em flagrante por porte de arma
CAMPO GRANDE
Homem se joga do 9° andar de hotel luxuoso na Capital
NOVA ALVORADA DO SUL
Acidente entre dois veículos termina com dois feridos e BR-163 interditada