Menu
Busca terça, 25 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Prevendo derrota Governo desiste de aprovar a MP 232

29 março 2005 - 10h29

O governo desistiu de aprovar a MP 232, que amplia a carga tributária para prestadores de serviço, e, por conta disso, o contribuinte em abril voltará a pagar Imposto de Renda conforme a tabela de 2004.O deputado Carlito Merss (PT-SC), relator da matéria, disse que seu parecer será pela rejeição integral do texto. De acordo com ele, na reunião de ontem à noite, entre líderes da base e o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, ficou evidente que o governo sofreria uma derrota se levasse a proposta adiante."Não há condição de aprovar a MP. Nesse sentido, a minha intenção é fazer um relatório simples e sucinto pela rejeição total da MP", afirmou o deputado. O relator disse não saber o que o governo fará em relação à correção da tabela do imposto de renda.Com a rejeição da MP, o limite de isenção do IR volta para R$ 1.058, mesmo valor de 2004. O governo poderia enviar outra MP ou projeto de lei para tratar do assunto, mas o deputado disse que a estratégia ainda não está decidida.

Deixe seu Comentário

Leia Também

STJ
Plano de saúde coletivo não pode ser cancelado durante tratamento
TRÂNSITO
Prefeitura de Guarujá diz que não irá multar Bolsonaro por infração
INTERNACIONAL
Brasil amplia lista de países para definir suspeitos de coronavírus
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
NOTA DE PESAR
Governo do Estado decreta luto pela morte de ex-prefeito
SERGIPE
Caminhão com 400 kg de maconha que saiu de MS e apreendido em Brasília
DOURADOS
Menor usa pistola de ar comprimido para roubar haitiana
JUDICIÁRIO
Ministério Público quer lei para acabar com 'farra das diárias' em Caarapó
MORTE DE LANZARINI
Dourados News emite nota de pesar pela morte de ex-prefeito
BOLADA
Após acumular pela 16ª vez, Mega Sena terá o 3º maior prêmio da história

Mais Lidas

CRIME
Ex-integrante de grupo de Rap é morto a tiros em Dourados
DOURADOS
Ex-prefeito de Amambai não resiste e morre no Hospital do Coração
ATENTADO
Aeronave pousa em Dourados e fica a disposição de Lanzarini
POLÍCIA
Ex-prefeito de Amambai Dirceu Lanzarini é ferido a tiros em atentado