Menu
Busca terça, 21 de maio de 2019
(67) 9860-3221

Prefeito de Paranaíba é preso por brigar com padrasto de menor

02 dezembro 2003 - 12h28

O prefeito de Paranaíba, Diogo Tita (PMDB), foi detido no último sábado depois de uma briga com um homem identificado como Elion, padrasto da menor M.D.M.B., que o acusa na Justiça de estupro e exploração sexual.De acordo com os policiais, Tita estava bêbado e provocou o padrasto da adolescente no trânsito. Os dois teriam parado em uma conveniência, onde houve tumulto, e, logo depois, a polícia teria detido o prefeito que prestou depoimento e em seguida foi liberado.A CPI Mista do Congresso também investiga as acusações de exploração sexual e estupro contra Tita, mas o caso só será avaliado a partir do dia 15 de fevereiro, quando termina o recesso parlamentar. Isso porque até o dia 11 deste mês, quando começam as férias de deputados e senadores, só serão analisados casos envolvendo o turismo sexual de crianças e adolescentes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Encceja 2019 registra meio milhão de inscritos no primeiro dia
EDUCAÇÃO
IFMS prorroga prazo de inscrições para cursos técnicos a distância
TRÊS LAGOAS
Ambiental multa produtor rural por desmatamento
CAMPO GRANDE
Shopping é condenado por assalto dentro do estacionamento
BRASIL
Governo nomeia Guimarães Neto para presidência da Embratur
ENCONTRO HOLÍSTICO
Terapeutas Holísticos de MS participam do Congresso Holístico Internacional em Bonito
DOURADOS
Quatro empresas serão notificadas para obras na Presidente Vargas
LEGISLATIVO
Portador de doença que necessite aparelhos não poderá ter energia cortada
DOURADOS
Mulher é presa tentando atear fogo na casa do ex
BRASIL
Campanha contra trabalho infantil começa amanhã com twittaço

Mais Lidas

ITAPORÃ
PM da reserva morre em acidente próximo a ponte do Rio Santa Maria
DOURADOS
Comissão vota contra o próprio parecer e Idenor se salva de cassação
EDUCAÇÃO
Inscrições do Encceja 2019 começam nesta segunda-feira
DOURADOS
Ex-líder da prefeita Délia Razuk é alvo de pedido de cassação