Menu
Busca domingo, 15 de setembro de 2019
(67) 9860-3221

Prefeito de Paranaíba é preso por brigar com padrasto de menor

02 dezembro 2003 - 12h28

O prefeito de Paranaíba, Diogo Tita (PMDB), foi detido no último sábado depois de uma briga com um homem identificado como Elion, padrasto da menor M.D.M.B., que o acusa na Justiça de estupro e exploração sexual.De acordo com os policiais, Tita estava bêbado e provocou o padrasto da adolescente no trânsito. Os dois teriam parado em uma conveniência, onde houve tumulto, e, logo depois, a polícia teria detido o prefeito que prestou depoimento e em seguida foi liberado.A CPI Mista do Congresso também investiga as acusações de exploração sexual e estupro contra Tita, mas o caso só será avaliado a partir do dia 15 de fevereiro, quando termina o recesso parlamentar. Isso porque até o dia 11 deste mês, quando começam as férias de deputados e senadores, só serão analisados casos envolvendo o turismo sexual de crianças e adolescentes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Câmara disponibiliza nova participação dos cidadãos em projetos de lei
POLÍCIA
Homem é autuado em R$ 750 mil por tráfico de papagaios
BRASIL
Abuso de autoridade: dividido, Senado será decisivo para manter ou derrubar vetos de Bolsonaro
BRASIL
Caixa registra 12 milhões de transações após liberação do FGTS
MS
Setembro é mês para licenciar veículos com placa final 9
QUADRO DE SAÚDE
Bolsonaro aceita bem dieta cremosa e haverá redução da alimentação na veia, diz boletim médico
ESPORTES
Corinthians: conselho deve convocar Andrés para explicações
CONSCIENTIZAÇÃO
Programação pelo Dia da Árvore tem início nesta segunda em Dourados
TRAGÉDIA
Homem morre e três ficam em estado grave em acidente na MS-429
NOVA ANDRADINA
Jovem é preso com porções de cocaína em bar

Mais Lidas

DOURADOS
Motorista faz ‘strike’ de motos no Centro e deixa três feridos
DOURADOS
Força-tarefa tira mais de 20 veículos de circulação na Coronel Ponciano
TRAGÉDIA
Cantor sertanejo morre em acidente de carro no MS
DOURADOS
Armados, indígenas se aproximam de seguranças em área invadida na Perimetral Norte