Menu
Busca sexta, 21 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Prefeito de Japorã defende indenização para fazendeiros

23 janeiro 2004 - 12h59

Para o prefeito de Japorã, cidade cuja população de 7,5 mil habitantes é formada por 45% de indígenas, Sebastião de Sousa (PL), o impasse envolvendo a disputa por terras entre índios e fazendeiros teria fim se a Constituição fosse mudada e fosse permitido que o Governo indenizasse quem teve terra desapropriada. O prefeito, que tem se mostrado partidário da demarcação das terras, ressalvou a necessidade de a propriedade ser confirmada, mediante documentação. A sugestão já foi apresentada pelo governador de Mato Grosso do Sul, Zeca do PT, e também transformada em PEC (Proposta de Emenda Constitucional) pelo senador Jucêncio César da Fonseca (PDT). Em Japorã, um laudo aponta que a área pertencente aos índios deve ser de 9,4 mil hectares, mas a aldeia Porto Lindo, onde eles vivem, tem pouco mais de 1,6 mil hectares. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
Universidade promove campanha informativa de prevenção de IST's
CONSCIENTIZAÇÃO
Milagres do Carnaval é tema de campanha deste ano do Detran-MS
DOURADOS
Internos são flagrados tentando entrar no semiaberto com celulares, maconha e cocaína
REGIÃO
Unigran oferece curso de Educação Física semipresencial em Dourados
Educação
Falta muito? Já tá chegando?
DOURADOS
Confira o que fecha e o que abre durante os dias de Carnaval
JARDIM GUAICURUS
Jovem resgatada foge da UPA e tenta subir em torre mais uma vez
DOURADOS
Ministro do STF nega liberdade a ex-secretário de Saúde
DOURADOS
Homem é encontrado caído em estrada com facada no pescoço
SÃO GABRIEL
Polícia apreende R$ 300 mil em mercadorias contrabandeadas do Paraguai

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher ameaça se jogar de torre no Jardim Guaicurus
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018
DOURADOS
Fechamento e promoções levam multidão a fazer fila em hipermercado
DOURADOS
Polícia vai ao Guaicurus e prende condenado por pedofilia