Menu
Busca sábado, 17 de novembro de 2018
(67) 9860-3221
EDUCAÇÃO

Senador, reitora e prefeitos discutem criação de três cursos em MS

02 junho 2015 - 16h45

Dois municípios de Mato Grosso do Sul poderão ganhar três novos cursos superiores em 2016. A criação das graduações em Medicina Veterinária em Paranaíba e de Engenharia Civil e Engenharia de Produção em Nova Andradina foi discutida em reunião nesta terça-feira (2), no Ministério da Educação, em Brasília.

Participaram da audiência com o ministro interino da Educação, Luiz Cláudio Costa, e com o secretário de Ensino Superior (Sesu), Jesualdo Pereira Farias, o senador Waldemir Moka (PMDB), a reitora da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Célia Maria Silva Correa Oliveira, e os prefeitos Roberto Hashioka (Nova Andradina) e Diogo Tita (Paranaíba).

Nova reunião da reitora com o Ministério da Educação está prevista para os próximos dias. Nela, será apresentado cronograma de desembolsos de recursos para que os cursos comecem a funcionar já no primeiro semestre do ano que vem. Essa possibilidade só existe, ressalva Célia Maria, se a proposta de investimento mínimo for aprovada.

O ministro foi informado de que os municípios estão em condições de receber os cursos, com espaço já destinado a cada um deles. Em Paranaíba, a estrutura disponível atende aos dois primeiros anos da graduação em Medicina Veterinária. “Do terceiro ano em diante, vamos precisar de um novo prédio para abrigar laboratórios e um hospital veterinário”, acrescentou.

Os investimentos previstos em Paranaíba para quatro anos estão estimados em R$ 36 milhões, sendo R$ 34 milhões para as obras do prédio e aparelhamento e R$ 2 milhões para custeio. O curso também tem destinado R$ 15 milhões de uma emenda da bancada federal.

Já em Nova Andradina o espaço para as graduações de Engenharia Civil e Engenharia de Produção está garantido. A reitora explica que o fato de a cidade oferecer os cursos de Gestão Financeira e de Administração, áreas com disciplinas básicas semelhantes às de Engenharia, facilitará a implantação dos cursos.

Para o senador Moka, a criação dessas três graduações vai beneficiar centenas de estudantes das regiões do Bolsão e Conesul, onde há carência na oferta de vagas nessas áreas. “São regiões de grande importância para a economia do nosso Estado e que merecem ser servidas por esses cursos”, afirmou. “Mas dependemos do sinal verde do Ministério da Educação”.

Expectativa

O prefeito Roberto Hashioka, de Nova Andradina, considerou a audiência “importante” e a participação do senador Moka “fundamental” para a implantação dos cursos no município. “A criação dos cursos beneficia o projeto do polo de tecnologia e inovação de Nova Andradina, também com o apoio do senador Moka”, frisou.

Já o prefeito Diogo Tita (PPS), de Paranaíba, destaca o significado para o município a implantação do curso de Medicina Veterinária. “Para implantar o curso, que já foi devidamente autorizado pelo MEC, falta a construção do prédio, embora já tenhamos oferecido espaço provisório para o seu funcionamento”, enfatizou Tita.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Tatiele Poliana exibe tanquinho trincado em clique de biquíni
MARACAJU
Jovem é presa na MS-164 tentando levar droga para o Mato Grosso
NOVO GOVERNO
Desistência de general para ministério leva crise ao QG de Bolsonaro
CORUMBÁ
Casamento comunitário terá casais homoafetivos pela primeira vez
CRESCIMENTO
Colheita de cana-de-açúcar soma 2,2 milhões de toneladas em outubro
RURAL
Pequenos produtores de Itaporã aderem à agricultura de precisão
LEICEMIA
Criança de 1 ano precisa de doação de sangue e plaquetas
ODEBRECHT
PGR pede prorrogação de inquérito contra Aécio Neves no Supremo
UFGD
Estudantes estrangeiros podem concorrer a bolsas pelo projeto Milton Santos
ECONOMIA
Estudantes poderão renovar contratos do Fies até o dia 23

Mais Lidas

DOURADOS
Carro fica submerso em túnel alagado e homem precisa quebrar o vidro para sair
DOURADOS
Chuva forte deixa ruas e até rodoviária alagada
DOURADOS
Guarda encontra pé de maconha cultivado por usuários em mata
TRÁFICO
Mulher é presa em Dourados com maconha e haxixe escondidos em painel de carro blindado