Menu
Busca quinta, 19 de setembro de 2019
(67) 9860-3221
MIRANDA

Prefeita é afastada por compra de votos e TRE/MS determina novas eleições

21 agosto 2019 - 07h28Por Da Redação

A prefeita de Miranda, Marlene de Matos Bossay (MDB), foi afastada por determinação do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) acusada por compra de votos nas eleições passadas. Além dela, também deverão deixar os cargos o vice, Adailton Rojo Alves (PTB), e o vereador Ivan Bossay (MDB), filho de Marlene. 

A decisão foi publicada no Diário da Justiça Eleitoral e assinada pelo desembargador Divoncir Schreiner Maran, determinando também um novo pleito. 

Conforme o site Campo Grande News, o presidente da Câmara, Edson Moraes de Souza, assumirá o cargo até a posse do novo prefeito e vice. 

Em abril, os três foram cassados pelos ministros do TRE-MS. A denúncia foi apresentada pelo Ministério Público Estadual em 7 de dezembro de 2016, dois meses depois das eleições.

Conforme a acusação, em 26 de setembro, Alexandre Bossay, também filho da prefeita e irmão de Ivan, foi à aldeia Lalima deu cestas básicas a uma moradora em troca de votos. O fato foi constatado pela guarnição da Polícia Militar, que prendeu Alexandre, solto depois de pagar fiança.

Segundo o MP, no dia 21 de setembro do mesmo ano, a campanha de Marlene foi acusada de distribuir vales-combustíveis a eleitores também para tentar cooptar votos. Em operação policial, foram apreendidos 39 tíquetes de abastecimento em um posto de combustíveis da cidade e registros de câmeras de segurança.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Alvo da PF, Bezerra põe o cargo de líder do governo no Senado à disposição
CRIME AMBIENTAL
Grupo é multado em quase R$ 300 mil por desmatamento ilegal
QUEIMADAS
MS recebe suporte do Governo Federal para combate aos incêndios
TEMPO
Pancada de chuva não ameniza e ‘calorão’ continua em Dourados
BRASIL
Maia diz que Fundo Eleitoral é necessário para equilibrar campanhas
COETRAE-MS
Comissão para tratar da erradicação do trabalho escravo é instituída em MS
DOURADOS
Seminário sobre suicídio e violência na população LGBTs+ contou com três palestras nesta quinta
MS
Homem é autuado em R$ 107 mil por desmatamento ilegal
BRASIL
Aluno de 14 anos esfaqueia professor em escola na zona leste de SP
SELEÇÃO BRASILEIRA
Tite chama amanhã jogadores para amistosos de outubro

Mais Lidas

DOURADOS
De assaltante frustrado a autor de furto, jovem agora é apontado como assassino frio e cruel
DOURADOS
“Terror”: Empresário foi agredido e ameaçado de morte durante roubo de joias
CRIME BRUTAL
Após matar pai e filho, assassino arrancou cérebro de menor e manteve fogo aceso para queimar corpos
DOURADOS
Interno foge da PED durante trabalho de manutenção