Menu
Busca Domingo, 17 de Dezembro de 2017
(67) 9860-3221
Corpal - Dezembro 2017
ACUSAÇÕES

Plenário vota denúncia contra Temer e ministros na próxima quarta-feira

21 Outubro 2017 - 10h45Por Agência Câmara

O destaque do Plenário no próximo dia 25 é a votação de pedido de autorização do Supremo Tribunal Federal (SIP 2/17) para processar, por crime comum, o presidente da República, Michel Temer, e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral).

A partir das 9 horas, os deputados debaterão parecer da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) contrário à autorização, conforme relatório do deputado Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) aprovado por 39 votos contra 26.

A denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) acusa Temer e os ministros de formação de quadrilha e obstrução de Justiça com o intuito de arrecadar propinas, estimadas em R$ 587 milhões. O Planalto nega todas as acusações.

O caso envolve ainda outras pessoas que não têm foro privilegiado, como os ex-deputados Eduardo Cunha, Geddel Vieira Lima, Henrique Eduardo Alves e Rodrigo da Rocha Loures; o empresário Joesley Batista e o executivo Ricardo Saud, ambos da J&F.

Conforme os procedimentos de Plenário para análise da denúncia, a autorização só será concedida se receber o apoio de pelo menos 342 deputados, ou 2/3 do total, que terão se manifestar contrários ao relatório de Bonifácio de Andrada por meio do voto “não”.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PLEITO
Crea/MS divulga resultado parcial da eleição para nova diretoria
FRUSTRADO
Mulher é assaltada quando chegava em casa na Vila Aurora
EXPANSÃO
Novo voo internacional ligará MS a nove países até 40% mais barato
DOURADOS
Após denúncia polícia fecha “Boca da Jéssica” no João Paulo II
POLÍTICA
Tucano que votar contra reforma da Previdência será punido, diz Alckmin
TRÁFICO
Homem é preso com 715 quilos de maconha na MS-276 em Indápolis
TELEVISÃO
Grazi Massafera já pensou em deixar de ser atriz; "não amava o que fazia"
ACORRENTADO
Recuperada caminhonete de homem encontrado no rio Dourados
EDUCAÇÃO
UFGD oferece 36 cursos de graduação pelo sistema do SISU
MESMO CRIME
Dois são condenados em processo envolvendo filho de desembargadora

Mais Lidas

2016
Polícia investiga possível homicídio em queda de avião no MS
HAYEL BON FAKER
Bilhete de pedágio “denuncia” e dupla é presa em Dourados após furto em Rio Brilhante
DOURADOS
Homem é preso após ser flagrado empurrando moto furtada
MANTIDO EM MS TAMBÉM
Governo mantém horário de verão para 2018, mas reduz tempo de duração