Menu
Busca segunda, 14 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
ASSEMBLEIA

Na Ordem do Dia, sete propostas devem ser analisadas nesta quarta

04 outubro 2017 - 09h32Por Redação

Os deputados nesta quarta-feira (4/10) devem apreciar sete matérias. Em redação final, o Projeto de Lei (PL) 227/2016, de autoria dos deputados Antonieta Amorim (PMDB), Angelo Guerreiro (PSDB), Beto Pereira (PSDB), João Grandão (PT) e Renato Câmara (PMDB), que determina o prazo máximo de 15 dias na marcação de exames para pessoas com mais de 60 anos nas Unidades de Saúde Públicas pertencentes ao Governo do Estado, a contar da data do pedido médico.

Em segunda discussão devem ser analisados o PL 150/2017, do deputado João Grandão que inclui no Calendário Oficial de Eventos do Estado, a Festa de São Cristovão, realizada anualmen, no último ou penúltimo domingo do mês de julho na Paróquia Santa Teresinha, no Município de Dourados. E o PL 187/2017, do Tribunal de Contas, que altera, acrescenta e revoga dispositivos da Lei 3.877, de 31 de março de 2010, que trata sobre a consolidação do Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração do Quadro de Pessoal da instituição.

Ainda estão previstos, também em segunda discussão para serem apreciados pelos parlamentares, três projetos do Poder Executivo. O primeiro, o PL 214/2017, que altera a redação do artigo 1º da Lei 5.024, de 18 de julho de 2017, que autoriza o Poder Executivo Estadual a renegociar as operações de crédito firmadas com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), ao amparo do artigo 2° da Lei Complementar Federal 156/2016.

O segundo o Projeto de Lei Complementar (PLC) 8/2017, que altera e acrescenta dispositivos à Lei Complementar 93, de 5 de novembro de 2001, que institui o Programa Estadual de Fomento à Industrialização, ao Trabalho, ao Emprego e à Renda (MS-Empreendedor). E o terceiro, o PL 225/2017, que propõe formas excepcionais de pagamento de débitos para com a Fazenda Pública Estadual. 

E ainda deve ser votado em primeira discussão pelos deputados, o PL 188/2017, de autoria do deputado Coronel David (PSC), que dispõe sobre o pagamento dos aparelhos de monitoramento eletrônico pelos próprios presos ou apenados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Bebê é sexta vítima de acidente na Via Dutra, sentido Rio de Janeiro
Unicef
26% das adolescentes brasileiras casam-se antes dos 18 anos
MS 42 ANOS
Identidade do Estado revela “Brasil profundo” nas artes plásticas
TUFÃO
Passagem do Hagibis no Japão provoca pelo menos 24 mortes
DOURADOS
Programação do “Outubro Rosa” tem evento no dia 16
FAMOSOS
Em meio aos rumos sobre affair, Grazi faz trilha com Caio Castro
DOURADOS
Universidade levará serviços à Praça Antônio João dia 23
ESTADO
Judiciário fará Semana da Conciliação no início de novembro
CRIME
Caçador foge da PMA, mas abandona moto, rifle e munições e acaba identificado
BRASIL
Após dez dias internado, general Villas Bôas recebe alta hospitalar

Mais Lidas

CLIMA
Previsão aponta dias chuvosos e queda de temperatura em Dourados
DOURADOS
Acionados para atender queda de moto, Bombeiros só encontram vítima no local
DOURADOS
Clima fica tenso com índios presos em confrontos às margens da Perimetral Norte
MS
Idosa é atingida por jaca durante procissão e precisa ser socorrida