Menu
Busca terça, 13 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Morre o ex-deputado estadual Zenóbio Neves

13 maio 2011 - 07h02

Morreu na noite de quinta-feira (12/05), por problemas respiratórios, por volta das 21h, em Campo Grande, o ex-deputado estadual Zenóbio Neves dos Santos. Seu corpo está sendo velado no Cemitério Jardim das Palmeiras. Nascido em Amambai, ele passou a residir em Campo Grande em 1978. Foi vereador por três mandatos em sua cidade natal, sendo um dos mais votados. Foi também Deputado Estadual por duas vezes de 1978 a 1982, sendo o primeiro suplente de 1980 a 1990.

Ele foi o relator do capítulo referente ao Poder Judiciário na primeira Constituinte Estadual e presidente da Comissão de Constituição e Justiça, sendo o primeiro Secretário da Mesa Legislativa.

Zenóbio também ocupou o cargo de secretário Geral no primeiro diretório estadual do então Partido da Frente Liberal (PFL), do qual foi fundador no ano de 1985, e reeleito para o mesmo cargo em 1986. Foi Presidente do PFL, eleito em 1989 e 1991, onde também foi tesoureiro e secretário geral daquele
mesmo diretório, por vários períodos, designação da Direção Nacional.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASA PRÓPRIA
Caixa suspende Minha Casa Minha Vida para faixa intermediária
INDUBRASIL
Polícia caça suspeito de matar diarista investigada por latrocínio
JUSTIÇA ELEITORAL
TSE dá 3 dias para Bolsonaro esclarecer 'inconsistências' em contas
UFGD
Abertas inscrições para doutorado em Biotecnologia e Biodiversidade
BRASILÂNDIA
Estudantes de escola de MS criam dicionário de línguas indígenas
JUSTIÇA
Calúnia e difamação em rede social geram dano moral a usuário
ECONOMIA
Dólar fecha em alta de quase 2% e ultrapassa R$ 3,80
BRASIL
Agricultura deverá assumir pesca, pequenos produtores e Incra
FUTEBOL MS
Às vésperas do Arbitral, apenas em estádio está apto para o Estadual Série A
CLIMA
Dourados tem novo dia quente com sensação térmica próxima dos 40ºC

Mais Lidas

ÑU VERA
Homem morre em Dourados após bebedeira
ANGÉLICA
Jovem morre atropelado durante o trabalho em pátio de usina
PEDRO JUAN
Advogada de narcotraficantes brasileiros morre após atentado na fronteira
PARAGUAI
Polícia paraguaia acredita que pistoleiros brasileiros mataram advogada