Menu
Busca quinta, 18 de julho de 2019
(67) 9860-3221

Justiça bloqueia R$ 1,3 milhão de prefeito por irregularidades

24 maio 2011 - 13h15

A justiça determinou o bloqueio de R$ 1,3 milhão do patrimônio do prefeito de Sidrolândia, Daltro Fiúza (PMDB), devido a irregularidades em contratos do transporte escolar. A decisão tem caráter liminar e é do juiz Marcelo Ivo de Oliveira.

De acordo com o MPE (Ministério Público Estadual), o valor de R$ 1,3 milhão corresponde ao prejuízo aos cofres públicos. Conforme a denúncia, em 2005 a prefeitura contratou o serviço de transporte escolar com dispensa de licitação, sob alegação de que seria impossível aguardar o processo licitatório antes do início do ano letivo.

Desde então, o contrato é prorrogado sob justificativa de situação de emergência. Segundo o Ministério Público, a situação “emergencial” foi criada propositadamente pela própria administração para se permitir a contratação direta e sem licitação.

Ainda segundo a denúncia, há divergência entre a quilometragem contratada e a quilometragem de fato percorrida pelas empresas de transporte escolar. Em 2009, perícia verificou a ocorrência de mais de 700 km diários de pagamento irregular de transporte escolar não realizado.

O prejuízo anual foi calculado em R$ 336 mil. O magistrado também determinou a suspensão dos efeitos dos contratos administrativos de 2006 a 2009 e de seus termos aditivos, proibindo repasse de verbas.

Patrimônio – De acordo com a decisão, consulta ao sistema da Receita Federal aponta que Daltro Fiúza tem bens imóveis em Aquidauana e Sidrolândia cujos valores são equivalentes ao total bloqueado.

Na ação civil pública, o Ministério Publico ainda denunciou: Abreu Transporte Ltda - ME, Adão de Souza Osiro, Adilson de Souza Osiro ME, Amandino de Oliveira Terra, Ana Rosa Raimundo Antunes - ME, Angela Aparecida Barbosa da Silva, Antonio Lázaro do Carmo, Arquimedes Rossato, Christiano Caparroz Pereira, Demilson Garcia Carvalho, GWA Transportes Ltda, HM Transporte e Turismo Ltda - ME, Ilson Marques da Silva - ME. José Aparecido Ferreira Batista-ME, Jucelino Oliveira Terra, Luiz Carlos Munhos, Luiz Rodrigues Transportes ME, Luiz Valirmo Bortolin, Maria Eliza Marinho Sgamate, Neusa Carmelina Straliotto, Papa Léguas Transporte Ltda - ME, Reinaldo Pereira Ambrozio, Renan Nunes Osiro - ME, Rosangela Vargas Cassola, Transcarrafa Transportes Ltda - ME, Vacaria Transporte e Turismo Ltda, Vani Muniz da Silva – ME eViação Arruda Ltda – EPP.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COMBUSTÍVEIS
Petrobras reduz preço da gasolina em 2,14% e diesel em 2,15% amanhã
SAÚDE
A cada duas notificações por dengue, um caso foi confirmado em Dourados
ECONOMIA
Dólar fecha em queda e cai ao menor patamar em quase cinco meses
TRÁFICO
Polícias estaduais apreendem cerca uma tonelada de maconha por dia em MS
BRASIL
Mais de 11 mil famílias pediram desligamento do Bolsa Família em 2019
RECURSOS
Repasses do Estado para a saúde de Dourados atingem quase R$ 20 milhões em 2019
DONA DO PEDAÇO
Maria da Paz flagra conversa de Jô e Régis depois de se recusar a comprar mansão
COMER BEM
Bolo de Banana sem Farinha e sem Açúcar
MATO GROSSO DO SUL
Desembargadores negam recurso a homem condenado por estelionato
TACURU
Cocaína é apreendida dentro de ônibus na região Sul de MS

Mais Lidas

DOURADOS
Execução de comerciante douradense foi “comemorada” com tiros em bairro da periferia
DOURADOS
Indígenas invadem propriedade e atacam policiais com flechas e coquetel molotov
DINHEIRO NOVO
Governo deve anunciar ainda esta semana a liberação de saques do FGTS
POLÍCIA
Polícia prende ladrão de moto e descobre ‘boca de fumo’ no Dioclécio Artuzi