Menu
Busca sábado, 16 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
ECONOMIA

Governo de Mato Grosso do Sul não vai reduzir salário de servidores

07 fevereiro 2019 - 18h35Por Da Redação

Mato Grosso do Sul não vai reduzir a jornada de trabalho e nem cortar o salário dos servidores públicos.

O secretário de Estado de Fazenda, Felipe Mattos, explicou que Mato Grosso do Sul assinou um posicionamento jurídico com outros oito estados defendendo a legalidade da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

A carta endereçada ao STF (Supremo Tribunal Federal) é assinada também pelos estados de Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Goiás, Paraná, Ceará, Alagoas e Pará.

Uma medida cautelar suspendeu dispositivos da LRF que permitiam a redução da jornada e do vencimento para casos em que o gasto com pessoal ultrapasse o limite estabelecido pela legislação. No entanto, isso não se aplica a Mato Grosso do Sul porque o Estado não ultrapassou esse limite.

“Não tem nenhum estudo para redução de salário e Mato Grosso do Sul não se enquadra nessa situação”, disse o secretário Felipe Mattos.

O mérito da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) deverá ser julgado pelo STF (Supremo Tribunal Federal) no próximo dia 27.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Flávia Alessandra mantém feed de tirar o fôlego e capricha nas fotos
CAMPO GRANDE
Jovem é preso por filmar corpos de assaltantes mortos por PM
JUSTIÇA
Condenado por roubo a mulher grávida tem pena aumentada em dois anos
DICAS
Portal do MS traz série de matérias sobre o concurso da educação
COSTA RICA
Polícia faz cerco e prendem quadrilha especializada em furtos rurais
ECONOMIA
Gasolina recua pela 17ª vez e atinge menor preço em 13 meses
DESEMBARGADORA
STF nega pedido de liminar e Tânia Borges continua afastada
UFGD
Clube da Leitura' retorna, com 'As Meninas', de Lygia Fagundes Telles
SONORA
Assessor de Câmara Municipal é detido suspeito de bater na esposa
PRAZO
Abertas inscrições para curso de Processo Civil da Escola de Magistratura

Mais Lidas

DOURADOS
Homem que tramou assassinato de empresário tentou se matar antes de ser levado à PED
PORTE E POSSE DE ARMA
Justiça concede HC a empresário que teve morte encomendada pela mulher
DOURADOS
Envolvidos na trama contra empresário são transferidos à PED
AMAMBAI
Douradense é preso com mais de 1 tonelada de maconha em veículo roubado