Menu
Busca Quarta, 13 de Dezembro de 2017
(67) 9860-3221
Corpal - Dezembro 2017
SÉRGIO CABRAL

Ex-governador do RJ será transferido para MS

24 Outubro 2017 - 16h05Por Da Redação

Decisão da Justiça transferirá o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, ao Presídio Federal de Campo Grande, conforme aponta matéria do portal UOL. Ele foi preso em novembro passado e ficou no Complexo de Gericinó, em Bangu, zona oeste do Rio de Janeiro (RJ).

Atualmente ele está na Cadeia Pública Frederico Marques, localizado no bairro de Benfica, zona norte da capital fluminense.

Ainda conforme o portal, a decisão foi tomada na segunda-feira (23). Além de Campo Grande, as opções seriam Mossoró (RN), Catanduvas (PR) e Porto Velho (RO).

A defesa de Cabral, ainda segundo o UOL, afirma que a decisão é arbitrária e entrou com um recurso para manter o ex-governador no Rio.

Cada presídio federal tem capacidade para abrigar 208 presos em celas individuais. O de Campo Grande foi inaugurado em 2006 e está situado na zona rural da capital sul-mato-grossense. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Délia inaugura dois Ceim’s nesta sexta-feira
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Geraldo comemora aprovação em Plenário de reajuste de valores pagos a lotéricas pela Caixa
FLAGRANTE
Homem é preso com uso de documento falso
ASSEMBLEIA
Deputados aprovaram Orçamento de R$ 14 bi em 1ª votação
CORUMBÁ
Dono de restaurante com 230 kg de pescado ilegal é autuado pela PMA
BARBÁRIE
Acusado de esquartejar mãe é levado para audiência
PALESTRA
Servidores participam de palestra com foco no atendimento público
BRASIL
Congresso mantém veto a armas para agentes de trânsito
CONCERTO
Orquestra UFGD e Geraldo Espíndola homenageiam os 40 anos de MS
BR-262
Veículo de luxo roubado é recuperado a caminho da fronteira com a Bolívia

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Identificada motorista que morreu após acidente na BR-163
BR-463
Douradense é preso com maconha após luta corporal com policial
DOURADOS
Família é presa com mais de R$ 18 mil falsos na BR 463
RENAIS CRÔNICOS
Falta de transporte a pacientes renais gera protesto em Dourados