Menu
Busca quarta, 12 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221
MS

Deputados estaduais eleitos no pleito passado são empossados na AL/MS

01 fevereiro 2015 - 13h15

A solenidade de posse dos deputados eleitos para a 10ª Legislatura (2015-2019) foi realizada na manhã deste domingo (1/2), no plenário Júlio Maia da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, sede do Palácio Guaicurus. O deputado Maurício Picarelli (PMDB) foi quem presidiu os trabalhos. O governador Reinaldo Azambuja, o presidente do TJMS (Tribunal de Justiça do Estado), João Maria Lós, e diversas autoridades participaram do evento.

Os deputados eleitos entregaram o diploma expedido pela Justiça Eleitoral e prestaram o seguinte compromisso de posse: "Prometo desempenhar fiel e lealmente o mandato que me foi conferido, guardar a Constituição Federal e a Estadual, e servir a minha Pátria promovendo o bem geral do Estado de Mato Grosso do Sul".

Antes de encerrar a solenidade, os deputados Pedro Kemp (PT) e Professor Rinaldo (PSDB) fizeram uso da tribuna. Nos discursos, os parlamentares lembraram a crescente desconfiança da população nas instituições políticas. “Vivenciamos uma crise de representação política. Além de cumprirmos nossa função inerente ao cargo que assumimos, temos a grande responsabilidade de resgatar à confiança popular em nossa capacidade de representar os anseios, angústias, expectativas e esperança da população sul-mato-grossense”, afirmou Kemp.

Professor Rinaldo destacou a crise da ética e da moral. “Diante dessas crises houve uma inversão de valores. Com essa reflexão, conclamo os deputados estaduais para nos unirmos em torno de um só pensamento, fazer valer cada voto que recebemos, garantindo a cidadania plena da população.”

Nesta segunda-feira (1/2), a partir das 9h, será instalada a 1ª Sessão Legislativa da 10ª Legislatura, que terá cunho solene e festivo, com a presença de convidados especiais e a apresentação da mensagem do Poder Executivo.

Confira um breve perfil dos deputados empossados:

Marquinhos Trad (PMDB): Filho de Nelson Trad e Therezinha Mandetta Trad, nascido em 28 de agosto de 1964, é casado e pai de quatro filhas. Formado em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 2006 conquistou uma cadeira na Assembleia Legislativa, sendo reeleito em 2010 com 56.827 votos, resultado de sua expressiva atuação na CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Enersul. Na última eleição saiu mais uma vez vitorioso, obtendo 47.015 votos.

Paulo Corrêa (PR): Engenheiro civil, exerce seu sexto mandato como deputado estadual. Participou de várias frentes e comissões, entre elas a CPI do Leite e a CPI da Enersul. Foi 1º secretário no período 2011-2012, tendo pautado seu trabalho na melhoria da qualidade dos serviços prestados pela Casa de Leis à população do Estado.

Grazielle Machado (PR): Filha de Londres Machado e Ilda Salgado Machado, nasceu no dia 12 de dezembro de 1980. Graduada em Comunicação Social, por três mandatos foi vereadora por Campo Grande. Estreia na Assembleia Legislativa como a mulher mais bem votada na eleição, com 39.374 votos.

Renato Câmara (PMDB): Filho do ex-deputado estadual Nelito Câmara, é engenheiro agrônomo e técnico em agropecuária. Foi ex-prefeito de Ivinhema. Com 42 anos de idade, foi o quarto deputado estadual mais bem votado na última eleição, obtendo 36.903 votos.

Junior Mochi (PMDB): Advogado, casado e pai de dois filhos, o ex-prefeito de Coxim foi eleito para o primeiro mandato de deputado estadual em 2006. Na eleição seguinte, foi reeleito com 31.880 votos. Destacou-se como líder do governo e como relator da CPI da Saúde. Em 2014 foi eleito para seu terceiro mandato, com 35.297 votos.

Zé Teixeira (DEM): Desde 1994 representa a classe produtora rural na Assembleia Legislativa. Faz parte da Frente Parlamentar Estadual de Defesa do Agronegócio e do Cooperativismo do Estado. Em seu sexto mandato, dará continuidade ao mesmo ideal, que é o de lutar por uma vida melhor para o povo sul-mato-grossense.

Eduardo Rocha (PMDB) : Pecuarista e economista, é casado com a senadora Simone Tebet, com quem tem duas filhas. Em 2010, foi eleito deputado estadual pela primeira vez. Ano passado, renovou seu compromisso com a população do Estado e foi reconduzido à Casa de Leis, tendo como principal objetivo o desenvolvimento industrial de todo Mato Grosso do Sul, a exemplo do município de Três Lagoas.

Angelo Guerreiro (PSDB): Embora seja estreante na Assembleia Legislativa, possui a carreira política consolidada em sua cidade Três Lagoas, onde foi vereador por duas vezes. Saúde, segurança e política de habitação serão suas bandeiras.

Professor Rinaldo (PSDB): Em 2004, assumiu uma cadeira da Câmara Municipal de Campo Grande. Com 14.017 votos, em 2007 foi eleito deputado estadual. Já em março de 2011 deixou a primeira suplência para voltar a ser deputado. Após um trabalho de combate às drogas, contra exploração sexual infantil e pela valorização da família, a população o reconduziu à Assembleia Legislativa.

Felipe Orro (PDT): Neto e filho de políticos, desde menino sempre foi atuante nas campanhas eleitorais. Foi vereador e prefeito de Aquidauana. Em 2010, assumiu seu primeiro mandato como deputado estadual com o compromisso de lutar em defesa dos interesses de Aquidauana, Anastácio e das demais cidades da região. Nas eleições de 2014, foi reeleito com 28.571 votos.

Beto Pereira (PDT): Filho de Valter Pereira e Lucimar Rezende Pereira, é também novidade no Parlamento Estadual. A experiência obtida como prefeito de Terenos e presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) o credenciou a participar e sair vitorioso da última eleição. Na Casa de Leis, pretende continuar sua luta municipalista.

Flavio Kayatt (PSDB): Entrou na política em 1992, com 32 anos de idade, ao ser eleito pela primeira vez vereador por Ponta Porã. Em 1996, foi eleito vice-prefeito de Ponta Porã, cargo que ficou até 1998, quando se elegeu deputado estadual. Em 2002, se reelegeu deputado e, dois anos depois, concorreu à prefeitura de Ponta Porã e foi eleito. Na última eleição recebeu 25.685 votos e retorna à Assembleia Legislativa.

Onevan de Matos (PSDB) : Em 1978, logo após a divisão do Estado, foi eleito deputado estadual constituinte. No seu terceiro mandato, que se iniciou em 1987, concorreu ao cargo de prefeito de Naviraí. Vitorioso, renunciou o mandato parlamentar e assumiu o Executivo Municipal. Em 1998, foi eleito pela quarta vez deputado estadual, sendo reeleito em 2002, 2006 e 2010. Hoje, foi empossado para o oitavo mandato.

Lidio Lopes (PEN) : É advogado e funcionário efetivo do TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul). Foi vereador por Campo Grande e está em seu segundo mandato na Assembleia Legislativa.

Mara Caseiro (PTdoB): Cirurgiã dentista, foi vereadora e prefeita do município de Eldorado. Em 2010 e 2014, foi eleita deputada estadual, representando o Conesul e Sul-Fronteira.

Marcio Fernandes (PTdoB): Médico veterinário, está em seu terceiro mandato. Além do forte vínculo com o setor produtivo do Estado, também tem uma ligação estreita com o esporte.

Maurício Picarelli (PMDB): Jornalista, cumpre mandato no Parlamento Estadual desde 1987 e está em sua oitava legislatura. Autor de mais de 200 leis, foi vice-presidente da Assembleia Legislativa, presidente da Unale (União Nacional dos Legislativos e Legisladores Estaduais) e presidente do Parlasul (Parlamento do Sul).

Antonieta Amorim (PMDB): Sobrinha de Harry Amorim, primeiro governador do Estado, foi eleita para seu primeiro mandato como deputada estadual. Como primeira dama da Capital, atuou à frente do FAC (Fundo de Apoio à Comunidade) e como secretária de Assistência Social. Foi também primeira suplente do senador Waldemir Moka.

Barbosinha (PSB): Advogado, pós-graduado em Processo Civil, mestre em Direito Constitucional pela UnB (Universidade de Brasília), foi prefeito de Angélica, presidente da Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) e presidente da Aesbe (Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento).

Cabo Almi (PT): Trabalhou como cobrador de ônibus, empacotador e promotor de vendas de indústria de alimentos. Formou-se como torneiro mecânico e, em outubro de 1983, prestou concurso para soldado da Polícia Militar. Foi ainda vereador por Campo Grande e está em seu segundo mandato na Assembleia Legislativa.

João Grandão (PT): Formado em Direito e História, é professor e bancário. Foi vereador por Dourados e deputado federal. Tornou-se delegado federal do Ministério do Desenvolvimento Agrário em Mato Grosso do Sul de 2011 a 2014, quando se elegeu deputado estadual.

Amarildo Cruz (PT): Agente Tributário Estadual, é formado em Direito e Ciências Contábeis. Defensor das causas sociais, sempre trabalhou pelo reconhecimento dos servidores públicos. Entre 2003 e 2006, foi presidente da Agehab (Agência Estadual de Habitação). Como deputado estadual, foi presidente da CPI da Saúde, que investigou irregularidades nos recursos repassados pelo SUS (Sistema Único de Saúde) para unidades hospitalares de 11 municípios de Mato Grosso do Sul.

Pedro Kemp (PT): Graduado em Filosofia e Psicologia, tem mestrado em Educação e está em seu quinto mandato na Assembleia Legislativa. Foi vereador por Campo Grande e secretário de Estado de Educação. Foi eleito 2º secretário da Casa de Leis para o período 2013-2014. Tem uma atuação voltada à defesa dos povos indígenas, dos trabalhadores rurais sem-terra e das classes menos favorecidas.

George Takimoto (PDT): Médico, foi vice-prefeito de Dourados, vice-governador e deputado federal por Mato Grosso do Sul. Foi eleito em 2010 e reeleito em 2014. - See more at: http://www.al.ms.gov.br/Default.aspx?tabid=56&ItemId=41260#sthash.3BB4U7qc.dpuf.

Com informações do site da Assembleia Legislativa de MS.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AREZZO
Eu apoio o projeto Natal para Todos - Dourados Brilha
DOURADOS
DOF recebe PMs de Goiás para curso especializado
ARTIGO
Tempo de balanço... da vida!
TRAGÉDIA
Catedral de Campinas recebe flores em homenagem a vítimas de atirador
FRONTEIRA
Homem é preso após ser flagrado guinchando carro com droga
ESTADO
Contribuintes com débitos de ICMS já podem aderir ao Refis 2018
CAMPO GRANDE
Confusão por dívida termina com morador de rua ferido na cabeça
TEMPO SECO
Dourados tem manhã com sensação térmica acima dos 35ºC
DOURADOS
Vereador diz que votará em chapa encabeçada por Pepa
CULTURA
Projeto reúne seis corais no Shopping Avenida Center

Mais Lidas

DOURADOS
Contador e esposa são presos na segunda fase da Operação Pregão
TRAGÉDIA
Neto matou avó com duas facadas nas costas
TRAGÉDIA EM ITAPORÃ
Antes de assassinato, menor discutiu com a avó porque queria vir para Dourados
DOURADOS
Polícia prende acusado de agredir e esfaquear idosa em assalto