Menu
Busca quinta, 21 de novembro de 2019
(67) 9860-3221

Deputado Zé Teixeira pede aposentadoria voluntária

16 maio 2011 - 13h34

O deputado estadual Zé Teixeira (DEM), pediu aposentadoria voluntária, concedida hoje pela Assembleia Legislativa. O deputado, único democrata do legislativo estadual, se aposenta só no papel, pois continuará cumprindo se mandato, que vai até 2014.

A aposentadoria é proporcional, segundo informa a publicação de hoje da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa.

Conforme o texto concedendo a aposentadoria a Zé Teixeira ele acumula 15 anos e 28 dias de contribuição previdenciária mais 16 anos como deputado, totalizando 31 anos e quatro meses.

Atuação
Produtor rural, o deputado tem base eleitoral em Dourados. Sempre defendeu os interesses da classe ruralista, principalmente em relação à disputa de terras entre fazendeiros e indígenas.

Ele havia pedido a aposentadoria no ano passado, quando fez 70 anos, mas só agora saiu a concessão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dois homens sobrevivem após carro capotar e parar a 25 metros em mata
POLÍTICA
Senador alerta para risco do Brasil perder acordo de livre comércio
POLÍCIA
Quadrilha que furtava fazendas nas proximidades de Campo Grande é presa
UEMS
Projeto premiado de pena alternativa deve ser implantado em Dourados
INFRAESTRUTURA
Dourados e região vão receber R$ 200 milhões em investimento em 3 anos
DOURADOS
Acusado de tentativa de feminicídio é preso pela Polícia Militar
ESTADOS UNIDOS
Aperesentador Gugu Liberato é internado após sofrer acidente em casa
SEXTA-FEIRA
Chuva de meteoros poderá ser vista nesta madrugada em todo o Brasil
COXIM
Carreta com 200 porcos tomba na BR-163 e animais morrem em acidente
ECONOMIA
Brasil registra criação de 70,8 mil postos de trabalho em outubro

Mais Lidas

TENTATIVA DE FEMINICÍDIO
Ex esperou mulher chegar de curso para tentar matá-la no Estrela Verá
DOURADOS
Corregedoria abre sindicância para apurar ação da Guarda que terminou em morte
DOURADOS
Secretaria de Saúde contrata pessoal para limpeza com salários de R$ 1 mil a R$ 1,4 mil
JÚRI POPULAR
Primeira tentativa de feminicídio do ano ocorre às vésperas de julgamento por crime de 2018