Menu
Busca sexta, 17 de agosto de 2018
(67) 9860-3221

Declaração de próprio punho pode valer como comprovante

09 junho 2011 - 12h44

Tramita na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul um projeto interessante para o consumidor. O projeto de lei foi apresentado na sessão de quarta-feira (08) pelo deputado Pedro Kemp (PT), prevendo que a declaração de próprio punho do cidadão interessado em fazer cadastros, compras ou realizar qualquer serviço poderá suprir a exigência do comprovante de residência.

O intuito é desburocratizar e evitar o transtorno do cidadão em ter que se deslocar mais de uma vez ao local onde deseja efetuar o cadastro.

O projeto estabelece ainda que na declaração manuscrita seja incluído a ciência do autor de que a falsidade nas informações ficará sujeita às penalidades da legislação específica.

Também deve ficar esclarecido que a não aceitação do documento como prova de residência poderá em resultar em multa de até 150 Uferms (Unidades Fiscais Estaduais de Referência de Mato Grosso do Sul), ou seja, R$ 2.371,50.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Delegado aguarda laudo para saber se bebê internado no HU foi agredido
CAPACITAÇÃO
Feira de Aprendizagem estimula abertura de vagas de emprego
PEGOU MAL
Mayra Cardi doa cachorro e é criticada na web: "Lixo de pessoa"
BRASIL
PRF apreende 150 quilos de cocaína em fundo falso de carro na BR-101
CAMPO GRANDE
MP recomenda fiscalização e controle no transporte de resíduos ou entulhos de construção civil
DOURADOS
Casal acusado de matar criança tem prisão preventiva decretada pela Justiça
STOCK CAR
Julio Campos começa na frente em Campo Grande
REGIÃO
Caminhão invade contramão, bate em carro e mata motorista
CONSULTA VIRTUAL
Receita Federal lança aplicativo que permite consultar processos
JUSTIÇA
MPMS participa da edição 2018 do mutirão carcerário

Mais Lidas

DOURADOS
Madrasta de criança morta é autuada por homicídio
DOURADOS
Além da madrasta, delegado autua o pai e ambos responderão pela morte de criança
DOURADOS
Criança de 1 ano teve trauma no tórax e laceração hepática
VÁRIOS ROUBOS
Acusados por pelo menos 10 assaltos são presos em Dourados