Menu
Busca quarta, 17 de julho de 2019
(67) 9860-3221
NAVIRAÍ

Câmara cassa vereador acusado de improbidade

28 maio 2015 - 06h59

A Câmara Municipal de Naviraí, cassou o mandato do sexto vereador envolvido na operação Atenas na sessão da última terça-feira, dia 26 de maio. Segundo o portal G1, Gean Carlos Volpato (PMDB) foi cassado por 12 votos a zero.

Volpato disse que vai recorrer da decisão porque as acusações apresentadas não são referentes a ele, mas de outro acusado envolvido na operação. Segundo o vereador, a cassação teve interesse pessoal dos empossados.

“Meus advogados pegaram os vídeos hoje para analisar. Eles não fundamentaram o decoro parlamentar. A comissão não aceitou minhas 10 testemunhas. Não tem nenhum crime ali, é interesse pessoal”, afirmou o vereador cassado.

O presidente da comissão processante, Júnior do PT, disse que a sessão foi tranquila, mas que tiveram algumas manifestações no plenário. “Foi tranquilo, a casa não estava cheia. Ele mesmo fez a própria defesa e teve pouca manifestação”, disse o presidente.

Conforme o petista, nos próximos 15 dias mais cinco vereadores devem ser cassados. Eles já estão afastados dos cargos e os suplentes é quem estão julgando os vereadores.

###Investigação
Volpato disse que ele é investigado por favorecimento ilícito. De acordo com a denúncia, ele votava a favor de projetos do Executivo e em troca teria indicado uma suposta namorada para um cargo. “Eu arrolei essa suposta namorada entre as testemunhas também, assim como o prefeito e eles não foram ouvidos”, pontuou.

###Cassados
Já foram cassados cinco vereadores, além de Volpato: o ex-presidente Cícero do Santos (PT), Carlos Alberto Sanches (SD), Adriano José Silvério (SD), Vanderlei Chagas (PSD) e Elias Alves (PSDB).

Os vereadores Solange Melo (PSDB) e Marcus Douglas Miranda (PMN) renunciaram o mandato.

###Operação Atenas
Além dos mandados de prisão, a ação também cumpriu 28 conduções coercitivas e 35 mandados de busca e apreensão. As suspeitas são de envolvimento nos crimes de formação de quadrilha, corrupção e extorsão contra o Poder Executivo.

Segundo a assessoria de imprensa do órgão, na ação foram apreendidos 27 carros, uma motocicleta, um barco, R$ 70 mil em espécie e ainda um cofre cujo dono disse aos policiais que havia aproximadamente R$ 50 mil dentro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
De biquíni em Paraty, Mariana Ximenes suspira: "Pode já querer voltar?"
CAPITAL
Esposa de defensor público é encontrada morta em residência
POLÍCIA
Vítima de tiro do pai, estudante presta depoimento e diz que vai embora
TJ/MS
Coordenadora da Mulher debate violência de gênero em Genebra
BELA VISTA
Trabalhador procura polícia para denunciar trabalho escravo em carvoaria
STF
Decisão de Toffoli paralisa inquéritos de lavagem, diz Chefe da Lava Jato
PORTO MURTINHO
Homem disse que acordou com onça pintada nas costas, diz médico
NAVIRAÍ
Ladrões que invadiram casa de vereadora e roubaram joias são presos
BRASIL
Lista do Não me Perturbe já tem mais de 600 mil pessoas cadastradas
CAMPO GRANDE
Homem é executado com três tiros no interior de veículo

Mais Lidas

DOURADOS
Coordenadora de Ceim é exonerada e pais fazem abaixo-assinado para tentar mantê-la
POLÍCIA
Investigação vê indícios de relação entre homicídios no Jardim Pantanal e Guanabara
DOURADOS
Assassinado em conveniência já cumpriu pena por tráfico e lavagem de dinheiro
DOURADOS
Upiran entrega carta de demissão a Délia e aguarda substituto para deixar Educação