Menu
Busca segunda, 18 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
NAVIRAÍ

Câmara cassa vereador acusado de improbidade

28 maio 2015 - 06h59

A Câmara Municipal de Naviraí, cassou o mandato do sexto vereador envolvido na operação Atenas na sessão da última terça-feira, dia 26 de maio. Segundo o portal G1, Gean Carlos Volpato (PMDB) foi cassado por 12 votos a zero.

Volpato disse que vai recorrer da decisão porque as acusações apresentadas não são referentes a ele, mas de outro acusado envolvido na operação. Segundo o vereador, a cassação teve interesse pessoal dos empossados.

“Meus advogados pegaram os vídeos hoje para analisar. Eles não fundamentaram o decoro parlamentar. A comissão não aceitou minhas 10 testemunhas. Não tem nenhum crime ali, é interesse pessoal”, afirmou o vereador cassado.

O presidente da comissão processante, Júnior do PT, disse que a sessão foi tranquila, mas que tiveram algumas manifestações no plenário. “Foi tranquilo, a casa não estava cheia. Ele mesmo fez a própria defesa e teve pouca manifestação”, disse o presidente.

Conforme o petista, nos próximos 15 dias mais cinco vereadores devem ser cassados. Eles já estão afastados dos cargos e os suplentes é quem estão julgando os vereadores.

###Investigação
Volpato disse que ele é investigado por favorecimento ilícito. De acordo com a denúncia, ele votava a favor de projetos do Executivo e em troca teria indicado uma suposta namorada para um cargo. “Eu arrolei essa suposta namorada entre as testemunhas também, assim como o prefeito e eles não foram ouvidos”, pontuou.

###Cassados
Já foram cassados cinco vereadores, além de Volpato: o ex-presidente Cícero do Santos (PT), Carlos Alberto Sanches (SD), Adriano José Silvério (SD), Vanderlei Chagas (PSD) e Elias Alves (PSDB).

Os vereadores Solange Melo (PSDB) e Marcus Douglas Miranda (PMN) renunciaram o mandato.

###Operação Atenas
Além dos mandados de prisão, a ação também cumpriu 28 conduções coercitivas e 35 mandados de busca e apreensão. As suspeitas são de envolvimento nos crimes de formação de quadrilha, corrupção e extorsão contra o Poder Executivo.

Segundo a assessoria de imprensa do órgão, na ação foram apreendidos 27 carros, uma motocicleta, um barco, R$ 70 mil em espécie e ainda um cofre cujo dono disse aos policiais que havia aproximadamente R$ 50 mil dentro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Beneficiários de programas sociais tem conta de luz com tarifa reduzida
DOURADOS
Ano Letivo da Rede Municipal de Ensino começa nesta segunda-feira
TRÊS LAGOAS
Polícia Federal prende seis e apreende quase uma tonelada de cocaína
INFORME PUBLICITÁRIO
Altas temperaturas elevaram consumo de energia em MS
TEMPO
Segunda-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
SHOWBIZZ
Isis Valverde completa 32 anos, posa de biquíni e filosofa na web
CICLISMO
Bonito Cross fecha primeira edição com Mountain Bike e Duathlon
UFGD
Estão abertas as inscrições para o 6º Festival Douradense de Música
ECONOMIA
Ao menos 14 órgãos abrem inscrições para preencher quase mil vagas
EMPRÉSTIMO
Sem regra rígida para consignado, bancos mantêm assédio a idosos

Mais Lidas

DOURADOS
Após denúncia anônima, Polícia fecha “boca de fumo” no jardim Itália
POLÍCIA
Para defender a mãe de agressão, adolescente mata padrasto a tiros
Homem é assassinado a tiros de pistola na região de fronteira
TRÁFICO
Homem de 27 anos é preso com 185 quilos de maconha em residência