Menu
Busca terça, 13 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Câmara aprova urgência para votação do novo Código Florestal

04 maio 2011 - 09h34

04/05/2011 10h31 - Atualizado em 04/05/2011 10h31

# Câmara aprova urgência para votação do novo Código Florestal


Maryuska Pavão

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira (3), por 399 votos a 18, regime de urgência para a votação das mudanças no Código Florestal, legislação que trata sobre a proteção ambiental nas propriedades rurais. Foi registrada uma abstenção. Além disso, o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), também não vota.

Dos 513 deputados, 419 estavam presentes à votação, que começou às 22h15 e terminou por volta de 23h.

Com a aprovação da urgência, o projeto do código terá prioridade na votação e, em caso de apresentação de emendas, não precisará voltar à comissão especial da Casa para análise das modificações. O texto foi aprovado na comissão em julho do ano passado.

A expectativa é que a leitura do relatório final do projeto seja feita pelo relator, deputado federal Aldo Rebelo (PC do B-SP), nesta quarta-feira (4). A votação também deve começar nesta quarta.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MIRANDA
Crianças indígenas são atropeladas por caminhonete e suspeita é de crime
MS-276
Polícia apreende mais de uma tonelada de maconha em caçamba
CASA PRÓPRIA
Caixa suspende Minha Casa Minha Vida para faixa intermediária
INDUBRASIL
Polícia caça suspeito de matar diarista investigada por latrocínio
JUSTIÇA ELEITORAL
TSE dá 3 dias para Bolsonaro esclarecer 'inconsistências' em contas
UFGD
Abertas inscrições para doutorado em Biotecnologia e Biodiversidade
BRASILÂNDIA
Estudantes de escola de MS criam dicionário de línguas indígenas
JUSTIÇA
Calúnia e difamação em rede social geram dano moral a usuário
ECONOMIA
Dólar fecha em alta de quase 2% e ultrapassa R$ 3,80
BRASIL
Agricultura deverá assumir pesca, pequenos produtores e Incra

Mais Lidas

ÑU VERA
Homem morre em Dourados após bebedeira
ANGÉLICA
Jovem morre atropelado durante o trabalho em pátio de usina
PEDRO JUAN
Advogada de narcotraficantes brasileiros morre após atentado na fronteira
PARAGUAI
Polícia paraguaia acredita que pistoleiros brasileiros mataram advogada