Menu
Busca sábado, 25 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221

PF de Naviraí apreende 584 quilos de maconha em Caarapó

24 agosto 2006 - 07h15

Policiais Federais de Naviraí, apreenderam no início da madrugada de hoje, 584 quilos de maconha que estavam sendo transportados em um veículo Peugeot 306, dirigido por Emerson Alves de Araújona, na cidade de Caarapó.Os Policiais, em fiscalização de rotina, notaram que a suspensão traseira do veículo estava muito baixa e, ao abordá-lo, verificaram a presença da maconha. A droga, que estava embalada em doze sacos plásticos de aproximadamente 50 quilos cada, ocupava todo o interior da parte traseira do veículo e exalava forte odor característico.Emerson recebeu voz de prisão por tráfico de drogas e, caso seja condenado, poderá pegar de 8 a 15 anos de reclusão. Segundo ele, a maconha seria levada para Campo Grande.A droga, o veículo e o indiciado foram levados à Delegacia de Polícia Federal de Naviraí, para lavratura do flagrante.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE
Motociclista morre ao colidir contra poste em bairro de Campo Grande
VILA FORMOSA
Projeto “Mais Movimento”, reduz índices de doenças crônicas
POLÍCIA
Grávida, adolescente de 15 anos briga com padrasto e o agride a facadas
JUSTIÇA
TRT ratifica obrigação da Eldorado adequar jornada de motoristas
POLÍCIA
Contrabandista ligado a doleiro que agia na fronteira é expulso do Paraguai
ITINERANTE
Carreta da Justiça atende 383 pessoas na volta do serviço em 2020
CAPITAL
Polícia fecha boca de fumo que funcionava como desmanche de motos
DOURADOS
Prefeitura intensifica parceria com piscicultores para ampliar produção
SEGURANÇA
Ministério Público libera Morenão para partidas do Estadual de Futebol
SERVIÇO
Detran/MS suspende emplacamento para implantação da Nova PIV

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Pai e filha moradores de Dourados morrem em acidente no Paraná
VILA ROSA
Homem morre após ser atingido por facada no pescoço em bairro de Dourados
TRÁFICO
‘Espaço de lazer’ em Dourados era usado para guardar drogas e abrigar fugitivos
DOURADOS
Assassinato na Vila Rosa aconteceu por ciúmes durante manutenção em porta