Menu
Busca sexta, 05 de junho de 2020
(67) 99659-5905

Pedido de hábeas corpus de Roberto Razuk está no TRF

13 agosto 2002 - 14h01

Foi impetrado na sexta-feira passada no Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região (São Paulo) o pedido de hábeas corpus que tenta livrar da prisão o empresário e candidato a deputado estadual pelo PDT, Roberto Razuk. Ele está recolhido na delegacia da Polícia Federal em Dourados desde o dia 4 deste mês, por força de mandado de prisão preventiva, decretado pela Justiça Federal. Razuk é acusado de crime contra o sistema financeiro nacional. O hábeas corpus foi impetrado pelo advogado Fábio Trad, de Campo Grande. A relatora do caso é a desembargadora federal Ramza Tartuce, da 5ª Turma Criminal. Não há previsão de quando a desembargadora tomará a decisão. Ontem, Razuk foi interrogado pelo juiz federal José Denílson Branco. Na próxima
segunda-feira serão ouvidas cinco testemunhas de acusação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACRE
PF deflagra operação contra fraude na compra de produtos hospitalares
ENERGIA SOLAR
Como fica sua conta de energia depois da energia solar?
LOTERIA
Mega pode pagar R$ 2,5 milhões amanhã
COMER BEM
Conheça algumas das deliciosas Pizzas Doces da Geekers
TRÁFICO DE DROGAS
Moradora de Dourados acaba presa tentando levar maconha até a Capital
MATO GROSSO DO SUL
Mais de 120 veículos passam por fiscalização contra transporte clandestino
FRONTEIRA
Mulheres são presas tentando sair de Ponta Porã com 24 tabletes de cocaína
AMÉRICA DO SUL
Argentina prorroga quarentena obrigatória até 28 de junho
CORONAVÍRUS
Laboratórios e farmácias são obrigados a avisar a SES em casos suspeitos
DOURADOS
Sebrae dará consultoria gratuita sobre biossegurança para empresas

Mais Lidas

PANDEMIA
Em disparada, casos de Covid-19 tem novo recorde diário e passam de 400 em Dourados
EPICENTRO
Casos de coronavírus "explodem" e Dourados registra recorde de confirmações
PANDEMIA
Comitê aponta surtos de coronavírus em dois pontos de Dourados
DOURADOS
Conselho aponta riscos de contaminação em massa por coronavírus no HV