Menu
Busca sexta, 28 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Papa comemora libertação de jornalista no Iraque

04 março 2005 - 15h54

O Papa João Paulo II recebeu com satisfação hoje a notícia da libertação da jornalista italiana Giuliana Sgrena, que permaneceu seqüestrada por um mês no Iraque, informaram fontes do Vaticano. O Papa havia pedido a libertação da jornalista italiana no dia 13 de fevereiro, em sua primeira aparição pública depois de ter permanecido dez dias hospitalizado. "Enquanto continuo rezando pela paz no Oriente Médio, faço um pedido pela libertação da italiana Giuliana Sgrena e pelas demais pessoas seqüestradas no Iraque", disse o Papa na ocasião. João Paulo II, 84 anos, foi internado novamente no dia 24 de fevereiro para ser submetido a uma traqueostomia.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

SÃO GABRIEL
Menino de 5 anos é internado em estado grave após ser atropelado
SAÚDE
Trote solidário: UEMS incentiva doação de sangue e cadastro de medula óssea
CAPITAL
Garçom lambe orelha de cliente em bar e é denunciado à polícia
SAÚDE
Disseminação de fake news sobre coronavírus preocupa especialistas
LÉO VERAS
Suspeito nega execução de jornalista e teme queima de arquivo
ESPORTE
GP Rochedo de Ciclismo abre inscrições para prova dia 15 de março
SÃO GABRIEL
Peão morre atingido por hélice ao consertar maquinário em fazenda
SANEAMENTO
Sanesul executa obras de esgotamento sanitário em Antônio João
TRÊS LAGOAS
Motorista fica preso nas ferragens após colisão entre caminhões na BR-262
MEIO AMBIENTE
Bachelet critica 'retrocessos significativos' na política ambiental no Brasil

Mais Lidas

MEIO AMBIENTE
Proprietário de rancho é autuado por pescar em rio durante a piracema
PARQUE DO LAGO
Ladrões usam carro para estourar porta de mercado e fogem com cofre; veja vídeo
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira
DOURADOS
Dupla dispara, mata jovem e deixa outro ferido no Jardim Independência