Menu
Busca Terça, 23 de Janeiro de 2018
(67) 9860-3221
/*%%SmartyNocache:14134580235a66dfd10ec1d9-40108689%%*/smarty; if (!is_callable('smarty_function_get_banners')) include 'application/smarty_plugins/function.get_banners.php'; ?>/*/%%SmartyNocache:14134580235a66dfd10ec1d9-40108689%%*/
Escola Sesc - Janeiro 2018

Pantanera 2003 começa sexta-feira em Mundo Novo

17 Dezembro 2003 - 12h34

A cidade de Mundo Novo, no extremo sul do Estado está finalizando os preparativos para a realização da Pantanera 2003. Segundo a comissão organizadora do evento, a Pantanera teme como objetivo manter acessa a chama da tradição e do folclore sul-mato-grossense. O presidente da festa e organizador do evento, Richardson Prates, informou que a abertura da festa está programada para acontecer na próxima sexta-feira, dia 19 de dezembro, às 21:00 horas. O evento vai de 19 a 21 de dezembro na antiga Soalgo de Mundo Novo. O lançamento oficial da festa aconteceu dia 27 em Mundo Novo onde a comissão organizadora apresentou todo o material promocional do evento e divulgou a programação oficial. Para que a Pantanera 2003 possa ser um sucesso os organizadores estão contando com parcerias como prefeitura de Mundo Novo, Eletrosul, Municípios Lindeiros e Itaipu Binacional. Programação: Dia 19 acontece a Abertura Oficial do evento; nos dias 20 e 21 continuação da Pantanera 2003. A festa do folclore sul-matrogrossense terá shows todas as noites e irão passar pelo palco do evento bandas como Mistureira, MDO, Balancera além dos cantores João Lucas & Gabriel e Geraldo Espíndola. Parque de Exposições, Praça de Alimentação com comidas típicas e bebidas da região além de parque de diversões e apresentações de grupos culturais. No dia 21 o Clube do Laço de Mundo Novo realiza a cavalgada Pantanera que irá contar com a participação do cantor e compositor Almir Sater. O cantor estará no evento em nome do Parque Natural do Pantanal divulgando o Vitelo Pantaneiro.O projeto do vitelo pantaneiro foi criado pelo Governo de Mato Grosso do Sul e o compositor, cantor e violeiro Almir Sater para revitalizar a economia da região e evitar a evasão do “pantaneiro”, que não conseguia se manter em sua terra. Hoje o projeto tem capacidade para atender o mercado nacional e internacional de carnes, além de financiar um programa social na região, alfabetizando os moradores da região.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

E QUE BOA SEMANA
Cláudia Ohana posa em foto sensual e exibe corpão
EDUCAÇÃO
UEMS oferece 2.338 vagas em 57 cursos pelo Sisu 2018
FEZ-SE PRECISO
PF diz que uso de algemas em Cabral foi necessário para garantir “segurança”
NO CELULAR
Mais de 196 mil condutores no Estado já podem baixar CNH digital
OPINIÃO
O fim das estatais
MEIO AMBIENTE
Fazendeiro é autuado pela PMA por desmatamento de área ilegal
ECONOMIA
FMI eleva projeção de crescimento global e para o Brasil em 2018 e 2019
FMI eleva projeção de crescimento global e para o Brasil em 2018 e 2019
PROJETO
PEC garante aos municípios participação de 20% nos impostos a serem criados
PEC garante aos municípios participação de 20% nos impostos a serem criados
ECONOMIA
Dólar fecha em alta e volta ao patamar de R$ 3,20
Dólar fecha em alta e volta ao patamar de R$ 3,20
CAPITAL
Vândalos saqueiam e depredam posto de saúde

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem é preso no Canaã II por posse de munições de uso restrito
CAPITAL
Professor é preso por assediar alunos de escola pública
Professor é preso por assediar alunos de escola pública
BILIONÁRIOS
Cinco brasileiros concentram mesma riqueza que a metade pobre do país
RIO BRILHANTE
Após ultrapassagem proibida, polícia aprende carro com maconha