Menu
Busca quinta, 27 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Padilha: criança morta por desnutrição é filha de ex-agente

25 fevereiro 2005 - 18h04

O diretor nacional de saúde indígena da Funasa, Alexandre Padilha, em entrevista coletiva na sala de reuniões da prefeitura municipal de Dourados, negou a informação que a criança de um ano e três meses que morreu vitima de desnutrição na madrugada de quinta feira, seria parente de ex-agente de saúde na Aldeia Bororó. Não posso afirmar também que a criança morava ao lado do Posto de Saúde, disse  Alexandre. Não vamos esconder nenhuma informação, falaremos o que for permitido dentro da ética profissional, complementou Alexandre. Ao ser questionado sobre os óbitos por desnutrição dos indígenas, ele afirmou os dados de desnutrição continuam sendo reduzidos e que a imprensa está divulgando informações erradas. “Devemos  prover a sociedade com responsabilidade” afirmou fazendo inferência a informações desencontradas sobre os casos de desnutrição. Ao ser questionado sobre o desencontro de informações da Funasa (Fundação Nacional de Saúde) sobre a última entrevista concedida na última terça feira, onde funcionários do setor de comunicação em Brasília enviaram e-mail para a redação de jornais informando que a entrevista, que estava acontecendo, não mais aconteceria, Alexandre e Suelene Gusmão chefe de comunicação da Fundação, não souberam explicar o que aconteceu.(Juliana Oliveira)

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
‘Cassems Itinerante’ leva atendimento em Psiquiatria para Dourados e mais duas cidades
MANDADO DE PRISÃO
Em abordagem por pesca ilegal, PMA captura foragido da justiça
OPORTUNIDADE
Vale Universidade recebe inscrições a partir do dia 3 de março
LEGISLATIVO
Assembleia realiza audiência para apresentação de relatórios da Saúde
COVID-19
Desinfetante, álcool e água sanitária podem eliminar o Coronavírus
CAMPO GRANDE
Suposto receptador exige R$ 4 mil para devolver S-10 furtada
COTAÇÃO
Dólar fecha a R$ 4,44 e renova patamar recorde
SETE QUEDAS
Homem é preso com arma de fogo e munições em área rural
SUJEITO A PUNIÇÃO
Estados e municípios têm até domingo para informar gastos com saúde
UFGD
Universidade abre inscrições para aulas gratuitas de zumba

Mais Lidas

MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira