Menu
Busca sábado, 21 de abril de 2018
(67) 9860-3221

Oficina cultural indígena termina hoje na Capital

11 agosto 2002 - 07h35

O Governo do Estado, através da Coordenadoria de Combate ao Racismo e o Idaterra, em parceria com a UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e a UFG (Universidade Federal de Goiás), promove, até hoje, a primeira Oficina de Comunicação e Cultura Terena.
O curso faz parte do projeto de instalação de rádio comunitária em aldeias e será feito na Aldeia Urbana Marçal de Souza em Campo Grande, onde serão desenvolvidas oficinas de jornal impresso; vídeo; animação e desenho; pintura em tecido; propaganda, publicidade e relações públicas; teatro, além de cursos infantis.
Com a capacitação, os índios terão condições de operar a rádio comunitária instalada na aldeia após a realização da oficina Os equipamentos para a rádio serão fornecidos pelo programa DST/Aids do Ministério da Saúde e Unesco.
Pelo menos 79 acadêmicos dos cursos de comunicação social e artes cênicas da UFMS e UFG serão responsáveis pelas oficinas que deverão reunir cerca de 300 indígenas durante os três dias de evento. Entre os dias 2 e 7 de agosto, os cursos ocorreram na aldeia Bororó, em Dourados, onde vivem os índios Guarani-Kaiwá.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTEBOL
Quatro árbitros de MS são escalados para os Brasileiros das Séries C e D
DOURADOS
Demissões aumentam, mas acumulado do ano ainda é positivo
FERIADO
Comércio e shopping abrem normalmente neste sábado
SORRISÃO
Graciele Lacerda faz ensaio fotográfico e exibe corpão à beira da pescina
PRAZO MÁXIMO
Justiça decide internar adolescente que matou advogada em Aquidauana
PRONUNCIAMENTO
Temer defende governo e critica "torcida organizada pelo fracasso"
ÁGUA CLARA
PRF recupera em MS veículo de luxo furtado no interior de São Paulo
LOTERIA
Aposta única fatura sozinha prêmio de R$ 9,3 milhões da Mega-Sena
UEMS
“Mobilização sem precedentes” marca desenvolvimento da Rila em MS
CORUMBÁ
Motociclista irlandês tem perna amputada após acidente na BR-262

Mais Lidas

SOLIDARIEDADE
Dourados inaugura a primeira geladeira solidária nesta sexta-feira
ABRIGO
Fazendeiro morto por pistoleiros já hospedou membro do Comando Vermelho
Morador da Rocinha foi preso com documento falso quando vigiava posto da PRF, na BR-463, uma das principais rotas do narcotráfico
POLÍCIA
Mulher é presa com crack do Paraguai na Rodoviária de Dourados
TRÊS LAGOAS
Homem procura delegacia após investir carro em bitcoin e não ter retorno prometido