Menu
Busca quarta, 19 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Nigeriano é morto com cerca de 50 tiros em Ponta Porã

26 janeiro 2004 - 08h46

Pistoleiros desconhecidos, ocupando um veículo cujas placas não foram anotadas, fuzilaram na noite de sábado, por volta das 21h40m, o traficante nigeriano Modestus Nnadmdi Okeke, 28 anos, que residia em Dourados e nos finais de semana vinha à Ponta Porã para cuidar de seus negócios, apesar de estar jurado de morte. O crime ocorreu no cruzamento da avenida Brasil com uma travessa de acesso à rua Paraguai, quando a vítima trafegava no Fiat Palio EX, de cor bordô, placas HRI-9148 (Dourados-MS), ano 2000, em companhia de um segurança, da amásia Nancy Ofélia Prieto Sanchez e da cunhada, Laura Elizabeth Sanches, 20, residentes à rua Marechal Deodoro, 93, Ponta Porã. Próximo ao cruzamento a vítima deu passagem a um carro estranho, no qual estavam elementos desconhecidos armados de submetralhadoras tipo Uzzi e pistolas 9 milímetros, que abriram fogo na direção do motorista. Okeke morreu na hora, enquanto sua cunhada acabou atingida com 8 tiros e foi transferida para o Hospital Evangélico, em Dourados. A amásia do traficante jogou-se embaixo do painel do carro e foi protegida pelo corpo do marido, que levou quase todos os tiros dos pistoleiros. O carro do nigeriano ficou crivado de balas, atingido por mais de 50 tiros.  A vítima fatal foi levada para o Instituto Médico Legal de Ponta Porã e deveria ser transferida ainda ontem para Dourados. Desde o ano passado Modestus Nnadmdi Okeke estava jurado de morte. No submundo do crime eram fortes os rumores de que ele seria executado por ter matado a ex-mulher de seu irmão, o também nigeriano Clarns Ufoh Odumodu, que está preso em São Paulo por tráfico internacional de entorpecentes. A mulher foi chamada por Okeke à sua residência, próximo ao 4º Batalhão da Polícia Militar, executada a tiros e jogada na rua. O traficante foi preso por força de prisão temporária expedida pela Justiça local, mas logo foi colocado em liberdade por falta de provas. Um namorado da mulher havia jurado matar o nigeriano. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TELEVISÃO
Lucas é o quarto eliminado do BBB20, com 62,62% dos votos
NOVA ALVORADA
Homem que apanhou de prefeito é solto após amigos pagarem fiança
POLÍTICA
Câmara decreta ponto facultativo no Carnaval e adianta sessão ordinária
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 170 milhões nesta quarta-feira
OPORTUNIDADE
Correios realiza leilão de bens e veículos nesta quarta-feira
CAPITAL
Homem é baleado por desafeto ao buscar filho na casa de cuidadora
EDUCAÇÃO
Rede Estadual de Ensino inicia ano letivo de 2020 nesta quarta-feira
DOURADOS
Alunos do Sesi Dourados vão representar MS na “Fórmula 1 in Schools”
TRAGÉDIA
Colisão entre carro e carreta mata três pessoas na MS-276
TEMPO
Quarta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados

Mais Lidas

APÓS 9 ANOS
Hipermercado fecha as portas em Dourados no final do mês
DOURADOS
Policial aposentado mata homem e diz ter sido ameaçado com faca
VIOLÊNCIA
Homem é assassinado em frente a padaria em Dourados
FRONTEIRA
Festa termina com aniversariante e convidado assassinados por pistoleiros