Menu
Busca sexta, 19 de julho de 2019
(67) 9860-3221

Multas emitidas por outros estados serão cobradas

26 dezembro 2003 - 09h44

Os motoristas finalmente terão que pagar as multas decorrentes de infrações de trânsito cometidas fora dos estados onde seus veículos estão registrados. A informação foi dada pelo ministro das Cidades, Olívio Dutra, ao Jornal O Globo. Até hoje, as multas não são cobradas porque não interessa aos Detrans repassar o valor cobrado para outro estado. Segundo o ministro, o Denatran começará a implantar, logo no início do ano, o Registro Nacional de Infrações de Trânsito (Renainf). O objetivo é acabar com a impunidade dos motoristas que cometem as irregularidades fora de seus estados sabendo que vão escapar da multa. A primeira fase de implantação do Renainf começa em janeiro, quando o sistema passa a funcionar na Bahia, em Goiás, no Paraná e em Pernambuco na primeira etapa. As demais unidades da federação, inclusive o Estado de Mato Grosso do Sul, vão se integrar ao sistema até agosto, prevê o ministro. O Renainf foi desenvolvido em parceria do governo federal com os governos estaduais, por meio de um trabalho conjunto do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), com o Serpro e os Detrans. Há muitos anos o Denatran tentava sem sucesso implantar um sistema de compensação de multas entre os estados. Mas o sistema nunca funcionou porque os Detrans alegavam que teriam custos na cobrança das multas cometidas em outros estados e depois não ganhariam nada ao enviar o dinheiro para o estado que aplicou a infração. Oficialmente, a desculpa dos Detrans era falta de condições operacionais. Por causa da ausência de punições, muitos motoristas chegam a emplacar propositalmente os carros em cidades de estados em que não moram, já pensando em poder cometer infrações mas não pagar as multas.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Seguradora de viagens pagará R$15.000,00 por assistência indevida
POLÍCIA
PF prende ‘Galã’, do PCC acusado de envolvimento na morte de Rafaat
IMPASSE
Petrobras se nega a abastecer navios iranianos por temer sanções
Idoso de 81 anos incendeia casa após usar fogo para espantar insetos
EDUCAÇÃO
Canditados na lista de espera do ProUni devem comprovar informações
DOURADOS
Prefeitura ameaça romper contrato com empreiteira responsável por reforma do PAM
EDUCAÇÃO
Prorrogado prazo de inscrição para a reunião da SBPC na UFMS
LEGISLATIVO
Renato Câmara fecha semestre com 6 novos projetos de lei e mais de 275 proposições
INTERNACIONAL
Junho teve a maior temperatura já registrada para o mês no planeta
ECONOMIA
Dólar termina a semana em alta, de olho em projeções sobre juros nos EUA

Mais Lidas

FRONTEIRA
Pistoleiros são presos após executarem homem a tiros
DOURADOS
Delegado encerra Inquérito e aguarda perícia para saber se tiro que matou bioquímico foi acidental
DOURADOS
AGORA: Homem é baleado no Estrela Verá
FRONTEIRA
Suspeito de ter matado homem encontrado boiando em rio é preso