Menu
Busca domingo, 09 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
CRIME AMBIENTAL

Mulher é autuada em R$ 2,4 mil por armazenamento ilegal de madeira

26 setembro 2017 - 16h50

Nesta terça-feira (26), uma mulher de 36 anos, moradora no assentamento Indaiá foi autuada pela PMA (Polícia Militar Ambiental) por armazenar madeira ilegalmente.

Os policiais militares ambientais de Aquidauana verificaram em vistoria que a infratora armazenava em seu lote 500 estacas de madeira da espécie carvão branco sem autorização do órgão ambiental.

Não havia autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal), que é o documento legal para se ter em depósito ou transportar qualquer produto florestal.

A infratora foi autuada administrativamente e multada em R$ 2.4 mil. Ela também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.


Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Campanha Agosto dourado: mães com Covid-19 devem continuar amamentando
CRIME AMBIENTAL
Infratores levam multa de R$ 10 mil por incêndio e transporte de motosserras
REGIÃO
Mulher foragida da Justiça acaba presa em Aparecida do Taboado
ESTADO
No dia em que MS ultrapassa a marca de 500 óbitos, ato de amor aos pais é respeitar isolamento social
LÍBANO
Bolsonaro convida Temer para chefiar missão humanitária
DOURADOS
Vítimas mais recentes da Covid-19, idosos foram notificados há mais de um mês
MOBILIZAÇÃO
Campanha promove paternidade no Brasil e no exterior
REGIÃO
Polícia flagra 245 quilos de maconha transportados em motos estrangeiras
PANDEMIA
Mato Grosso do Sul já soma 101 mortes causadas pelo novo coronavírus somente em agosto
TRÁFICO
Mulher sai de Dourados com filho de quatro anos e é presa com droga presa ao corpo

Mais Lidas

DOURADOS
Homicídio ocorreu após madrugada de farra e confusões na Jaguapiru
PANDEMIA
Paciente internado em Dourados morre de coronavírus
DOURADOS
Equipe do Samu se desloca para atender vítima de facadas em bairro
PANDEMIA
Cerca de 90% douradenses diagnosticados com Covid estão recuperados