Menu
Busca sexta, 06 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
CRIME AMBIENTAL

Mulher é autuada em R$ 2,4 mil por armazenamento ilegal de madeira

26 setembro 2017 - 16h50

Nesta terça-feira (26), uma mulher de 36 anos, moradora no assentamento Indaiá foi autuada pela PMA (Polícia Militar Ambiental) por armazenar madeira ilegalmente.

Os policiais militares ambientais de Aquidauana verificaram em vistoria que a infratora armazenava em seu lote 500 estacas de madeira da espécie carvão branco sem autorização do órgão ambiental.

Não havia autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal), que é o documento legal para se ter em depósito ou transportar qualquer produto florestal.

A infratora foi autuada administrativamente e multada em R$ 2.4 mil. Ela também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.


Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Homem morre em confronto com a polícia após grupo roubar mercado
ECONOMIA
Nelsinho Trad libera recursos de mais R$ 1 milhão para Mato Grosso do Sul
FRONTEIRA
Cabeça de adolescente foi cortada ao meio e também estava em tambor
EDUCAÇÃO
UEMS Acolhe devolve esperança para migrantes e estrangeiros
CAPITAL
Suspeito de assaltar militar dá tiro na perna e é preso em hospital
TRABALHO
Justiça reconhece vínculo entre empresa de entrega e motoboys
TRÊS LAGOAS
Polícia prende homem condenado a 10 anos por estuprar criança
ANTÔNIO JOÃO
Douradense morre em acidente na região de fronteira
EDUCAÇÃO
Educadores de Dourados fazem manifestação e paralisam atividades na segunda
SAÚDE
Anvisa recebe sugestões sobre rótulos de alimentos até segunda-feira

Mais Lidas

POLÍCIA
Morto em ação policial no MS era afamado como líder do novo cangaço
FRONTEIRA
Quatro assaltantes de carro-forte são mortos em confronto com a polícia
DOURADOS
Júri condena a 64 anos de prisão cinco réus por atentado contra empresário
PIONEIRO
Conhecido por entregar leite na região do Água Boa, Bruno de Brum morre em Dourados