Menu
Busca quarta, 18 de julho de 2018
(67) 9860-3221

MS tem dois finalistas do projeto educacional Desafio Energia + Limpa 2012

30 novembro 2012 - 17h45

Os alunos Igor Palhano de Andrade, de 13 anos – do 8º ano da Escola Estadual Elvira Mathias de Oliverira, de Campo Grande; e Inara Cristaldo Rocha da Silva, de 14 anos – do 9º ano, da Escola Estadual Cel. Juvêncio, de Jardim, são finalistas do concurso “Desafio Energia + Limpa 2012”, a mais nova ação do Projeto Agora.

O projeto educacional é voltado para alunos do 8º e 9ª anos de escolas públicas das redes estaduais de ensino de Mato Grosso do Sul e mais dez estados brasileiros, e tem o objetivo defazer com que os jovens compreendam melhor as questões relacionadas à geração de energia, sobretudo as alternativas renováveis e limpas.

Igor e Inara concorreram com cerca de 2 mil inscritos e a ação durou quatro meses com trabalho em sala de aula, por meio de um kit educacional do Desafio - distribuído em 14 mil escolas participantes de MS, Alagoas, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo e Distrito Federal.

Os alunos apresentaram suas conclusões em cartas à presidente Dilma Rousseff, que abordam o tema “Que tipo de energia o Brasil precisa e de onde ela virá?”. O Projeto Agora estima que aproximadamente 900 mil alunos serão conscientizados pelo Desafio, sobre as diferentes fontes energéticas existentes, entre elas o etanol e a bioeletricidade, gerados a partir da cana-de-açúcar.

“Para Mato Grosso do Sul é muito importante essa representatividade, pois somos responsáveis pela geração de cerca de 70 mil empregos diretos e indiretos, e conscientizar desde cedo essa geração sobre a importância do setor no local onde residem é uma ação de grande peso, principalmente para o futuro energético do Estado e do País, pois são eles que irão buscar outras fontes de energia respeitando as necessidades da região onde vivem e tomar as decisões futuras”, afirma o presidente da Associação dos Produtores de Bioenergia de MS – Biosul, Roberto Hollanda Filho.

Os autores das cartas vencedoras de cada Estado ganharão um prêmio, bem como o professor e a escola responsável pelo trabalho. A avaliação foi feita pela comissão julgadora responsável pela escolha dos 29 melhores trabalhos, que se reuniu na quarta-feira (14/11), na sede da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) em São Paulo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Dupla em Corsa branco teria executado homens em Sitioca
DUPLO HOMICÍDIO
Polícia identifica uma das vítimas de assassinato em Dourados
UAU
Maria Flor posa nua e abre o jogo sobre masturbação: “É muito libertador”
TRÊS LAGOAS
Por suspeita de traição, homem sequestra "amigo" e ameaça matá-lo
MELHORIAS
DNIT pode assumir obras da BR-163 não realizadas pela CCR MSVia
DUPLO HOMICÍDIO
Duas pessoas são assassinadas em Dourados
LAGUNA CARAPÃ
Prefeitura anuncia seleção para 96 vagas e salários de até R$ 12 mil
CORUMBÁ
Irmãos são presos em casa onde mantinham mulher aprisionada
ROMA
Brasileiro é denunciado por vandalismo ao gravar inicial no Coliseu
AMAMBAI
Condenado cumpre pena e solto passa a morar embaixo de carreta

Mais Lidas

DOURADOS
Acusado de matar mecânico confessa assassinato de homem no Flórida
VIOLÊNCIA URBANA
Bandidos estouram caixa eletrônico de banco em Dourados
DOURADOS
Médico sai de férias e população fica 1 mês sem consulta em posto
FURTO EM COMÉRCIO
Guarda Municipal prende autora de furto em mercado de Dourados