Menu
Busca domingo, 25 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221

MS mobiliza forças de segurança para Operação Natalina

13 dezembro 2003 - 15h42

O governo do Estado através da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) está mobilizando 5,2 mil policiais civis e militares, 474 viaturas e 92 motos na Operação Natalina, desenvolvida nos 77 municípios de Mato Grosso do Sul neste fim de ano. O anúncio foi feito esta semana, em entrevista coletiva do secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Dagoberto Nogueira Filho, pelo comandante-geral da Polícia Militar, coronel Ivan de Almeida e pelo diretor-geral da Polícia Civil, delegado Milton Watanabe. Na Polícia Militar, que iniciou a operação na segunda-feira passada e desenvolverá as ações do plano até 4 de janeiro de 2004, foram suspensas as férias dos oficiais até o encerramento da operação e será reforçado o policiamento ostensivo estático (por policiais a pé) e móvel (por policiais em motos e viaturas) com a participação dos 400 alunos do Curso de Formação de Soldados.Em Campo Grande, a Polícia Militar utilizará na operação 1,5 mil homens, 80 viaturas e 67 motos, sendo que, somente na região central da cidade, na área formada pelas avenidas Mascarenhas de Moraes, Coronel Antonino, Salgado Filho, Eduardo Elias Zahran e Tamandaré, que abrange 12 bairros e uma população de 70 mil pessoas mas que nesta época do ano recebe até 200 mil pessoas, serão envolvidos 75 policiais (67 que já atuam na área e oito do policiamento escolar) e 15 alunos do Curso de Formação, além de sete viaturas (sendo um camburão) e 13 motos. Segundo o comandante do policiamento da área central de Campo Grande, major Carlos Roberto Pereira, no perímetro das ruas 26 de Agosto, Maracaju, Cálogeras e Rui Barbosa, onde em razão dos estabelecimentos comerciais se concentra o maior fluxo de pessoas, será implementado com maior intensidade o policiamento a pé e nos bairros que fazem parte dessa área o policiamento móvel através de motos e viaturas. “Estamos realizando uma ação preventiva com essa Operação Natalina, não somente garantindo segurança a população, mas transmitindo a ela, com a presença ostensiva da policia nas ruas, a sensação de segurança, o que vai inibir a bandidagem, que vendo nossa presença desistirá do crime, porque saberá que se agir, nós vamos prender”, assegurou o secretário de Justiça e Segurança Pública. Já no Interior do Estado, a Policia Militar utilizará no policiamento de fim de ano 2,4 mil homens, 110 viaturas e 25 motos. Em contrapartida, na Polícia Civil, que inicia a Operação Natalina na próxima segunda-feira, com previsão de encerramento também no dia 4 de janeiro de 2004, foram suspensas todas as férias de agentes, escrivães e delegados, previstas neste período, e serão reforçados os plantões das delegacias municipais e em Campo Grande em cinco locais, além de serem executadas operações volantes. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUUU!!
Débora Oliver faz cliques quentes para o Diamond Brazil
ASSEMBLEIA
Seminário sobre regularização fundiária urbana é o destaque da semana
LOTERIA
Apostas para a Dupla de Páscoa já podem ser feitas
PM E BOMBEIROS
ACS elege novo presidente em MS
ESTADO
Começa em abril inventário de plantas e solo do Cerrado de Mato Grosso do Sul
Veículos roubados que seriam levados para o Paraguai são recuperados
BRASIL
Conta-salário poderá ser transferida para instituições não financeiras
RECOMENDAÇÃO
Prefeito vai revogar doação de área a Arquidiocese de Campo Grande
MS/PR
Assaltantes se escondem em pântano e acabam presos
ESTADUAL
Federação adia fim da primeira fase após ajuste de tabela

Mais Lidas

NOVO HORIZONTE
Foragido da Justiça é preso após trocar tiros com policiais em Dourados
WILLIAM DENTE PODRE
Ladrão baleado após atirar contra a polícia morre em hospital
DOURADOS
Idoso morre ao ser atropelado na Monte Alegre
FÁTIMA DO SUL
População faz protesto e pedem Justiça no caso Débora