Menu
Busca quarta, 22 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221

MP pede afastamento de vereadores turistas

11 agosto 2006 - 14h28

O Ministério Público de Santa Catarina pediu, nessa quinta-feira, a indisponibilidade dos bens no valor de cerca de R$ 107 mil e o afastamento imediato por mau uso do dinheiro público de cinco vereadores e um assessor da Câmara de Agrolândia, no Alto Vale do Itajaí, a 274 km de Florianópolis. Em janeiro, os seis foram flagrados fazendo turismo em Foz do Iguaçu, no Paraná, no período em que deveriam participar de um seminário sobre controle de gastos nas Câmaras de Vereadores. A denúncia foi feita pelo Jornal Nacional, no dia 31 de janeiro de 2006, e também mostrou vereadores turistas dos municípios gaúchos de Porto Vera Cruz e Uruguaiana. Na reportagem, os vereadores Jonas César Will, Amarildo Michells, Charles Piske, João Miguel da Costa, Lauri Sutil Narciso, presidente da Câmara de Agrolândia, e o servidor Ademar Radünz aparecem fazendo compras em Ciudad del Este, no Paraguai, e visitando as Cataratas do Iguaçu no horário em que o seminário acontecia. Na época, os políticos negaram o mau uso do dinheiro público e Jonas César Will acusou a reportagem do Jornal de Nacional de montagem. Afastamento e indisponibilidade de bens são pedidos feitos liminarmente, para garantir o cumprimento da ação, caso os vereadores sejam condenados. A concessão da liminar depende de decisão do juiz da comarca de Trombudo Central, cidade vizinha a Agrolândia, e pode ocorrer a qualquer momento. Além da liminar, em caráter de urgência, o Ministério Público pede a condenação dos cinco vereadores e do funcionário da Câmara. As punições previstas na ação são perda do mandato de vereador, suspensão dos direitos políticos entre oito e dez anos, perda dos bens indisponíveis (R$ 107 mil) e conseqüente devolução integral com juros do dinheiro gasto, multa de três vezes o valor gasto irregularmente (R$ 321 mil). Os R$ 107 mil são referentes às diárias de viagem, inscrição no seminário e transporte até Foz do Iguaçu.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Estado abre inscrições para cadastro de profissionais para atuar na educação profissional
COMÉRCIO
CNC: intenção de consumo das famílias tem melhor janeiro desde 2015
MS
Pesca na piracema rende multa de R$ 2,5 mil para homens flagrados pela PMA
BRASIL
Ministério aponta mais de 1,8 milhão de inscrições no primeiro dia de Sisu
DOURADOS
Polícia descobre entreposto do tráfico no Piratininga e homem é preso
Agronegócio
O Showtec reunirá as maiores empresas e os lançamentos mais importantes para o Agro nacional
DOURADOS
Produtores rurais exibem vídeos à Força Nacional e relatam clima de guerra
ECONOMIA
Confiança da indústria cresce 1,1 ponto na prévia de janeiro
STJ
Negada liberdade a torcedor do Fluminense acusado de agressão que resultou em morte de vascaíno
ASSEMBLEIA LEGISLATIVA
Em primeiro ano de mandato, Marçal cria leis de impacto estadual

Mais Lidas

UFGD
Aluna branca aprovada em Medicina como indígena aponta engano na inscrição
EMPREGO
Empresa abre 136 vagas para classificadores de grãos em Dourados e região
POLÍCIA
Mulheres são presas com malas ‘recheadas’ de maconha no Jardim Santo André
POLÍCIA
Participante de fuga em massa no Paraguai é recapturado em MS