Menu
Busca quarta, 19 de setembro de 2018
(67) 9860-3221

Médico é flagrado trocando Viagra por votos no Piauí

10 agosto 2002 - 11h58

Já está em liberdade o médico Aarão Luiz Mendes, da Fundação Municipal de Saúde da capital do Piauí. Ele foi flagrado por agentes da Polícia Federal, na noite de quinta-feira, trocando votos por remédios na cidade de Beneditinos, a 80 quilômetros ao Norte de Teresina. Entre os medicamentos mais procurados pelos eleitores estava o Viagra, usado para combater impotência sexual.
O médico realizava consultas médicas e distribuía remédios em um comitê político, segundo policiais federais, em troca de votos para os deputados estaduais Pompílio Evaristo (PSDB), candidato a reeleição, e Antônio José de Moraes Souza (PMDB), candidato a deputado federal, vice-presidente nacional da Confederação Nacional da Indústria, irmão do ex-governador Francisco de Moraes Souza, o Mão Santa, cassado sob acusação de usar a máquina estatal para fins eleitoreiros.
Aarão foi preso após denúncias feitas ao Ministério Público Eleitoral do Piauí pelo promotor de Justiça da cidade de Beneditinos, Cláudio Bastos Lopes, que solicitou imediata ação da Polícia Federal.
No comitê político de Pompílio Evaristo, que é cunhado do deputado federal Átila Lira (PSDB), e de Antônio José Moraes Souza, os agentes federais encontraram farto material eleitoral e ainda 200 frascos de medicamentos, entre eles xaropes, vitaminas, antibióticos e até Viagra. Foram apreendidos também bonés, adesivos e cartazes dos candidatos. O comitê fica em frente ao Fórum da cidade de Beneditinos.
O médico Aarão Filho foi encaminhado para a sede da Polícia Federal do Piauí, no Centro de Teresina, onde ficou preso por quase 24 horas. Ele foi solto ontem à noite, após pagar fiança sob determinação do juiz da 47ª zona eleitoral do Piauí, Francisco das Chagas Moreira Silva.
O médico responderá por crime eleitoral e os candidatos que seriam beneficiados podem perder a chance de disputar as eleições deste ano ou pagar pesadas multas. Aarão Filho não quis falar sobre sua prisão.O deputado Moraes Souza negou que tenha comitê em Beneditinos. Já Pompílio Evaristo estava em campanha por cidades do interior do Piauí e não foi encontrado para falar sobre as acusações.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMPREGO
Governo lança consulta para ouvir sociedade sobre futuro do trabalho
FISCALIZAÇÃO
Agência interdita sete aeronaves de MS por irregularidade
COMBUSTÍVEL
Preço do GLP industrial terá aumento de 5% a partir de amanhã
AVALIAÇÃO
Juiz autoriza laudo de sanidade mental para agressor de Bolsonaro
SEXTA-FEIRA
Noite de homenagens marca o Dia do Administrador em Dourados
POLÍCIA
Veículo roubado é recuperado pela PRF com menor na direção
EDUCAÇÃO
UEMS abre inscrições para o Mestrado em Ensino em Saúde
CORUMBÁ
Foragido que se passava por policial federal é preso Bolívia
CAARAPÓ
Vereador assumirá município no lugar de prefeito cassado
JUSTIÇA
Famasul não tem legitimidade para impedir demarcação de terras

Mais Lidas

DOURADOS
Colisão frontal mata passageiro de caminhonete e deixa três pessoas feridas
DOURADOS
Idoso encontrado morto na pedreira foi vítima de latrocínio
MS-164
Trio é flagrado com mais de 1t de maconha no Copo Sujo
DOURADOS
Homem esfaqueado pelo filho morre no Hospital da Vida