Menu
Busca quinta, 23 de maio de 2019
(67) 9860-3221

Mário Sérgio não é mais técnico do Atlético-MG

28 novembro 2004 - 11h42

Depois da derrota para o Figueirense, na tarde de ontem, a diretoria do Atlético-MG anunciou na manhã deste domingo a demissão do técnico Mário Sérgio. Quem assume o time para a disputa das últimas três rodadas é Procópio Ferreira, que já comandou o alvinegro em outras oportunidades. Ele dirigirá a equipe contra Paysandu, em Ipatinga; Grêmio, no Sul; e São Caetano, novamente em Minas. O Galo soma 46 pontos e ocupa a 22ª colocação na tabela, correndo sério risco de rebaixamento. Depois de nove rodadas, Mário Sérgio não conseguiu fazer o time se livrar da ameaça da Série B. Contra o Figueirense, o time saiu na frente e, mesmo com um jogador a mais desde os 37 minutos primeiro tempo, quando André Santos foi expulso, permitiu a virada dos catarinenses. Procópio será o quarto treinador do Galo na competição, depois das passagens de Paulo Bonamigo (16 jogos), Jair Picerni (18 jogos) e Mário Sérgio (9 jogos). 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONTRABANDO
Após perseguição, Polícia apreende 7,5 mil pacotes de cigarros
POLÍTICA
Bolsonaro volta a defender mudanças na CNH e fim dos radares
CAMPO GRANDE
Jovem grávida é agredida, desmaia e acorda sendo estuprada
UNIGRAN
Jornada de Psicologia vai abordar trajetos e conquistas em 20 anos de história
MEIO AMBIENTE
Conciliação: danos ao Rio da Prata serão reparados por responsáveis
TRÊS LAGOAS
PMA realiza Educação Ambiental a 50 alunos de escola pública
JUDICIÁRIO
Maioria no STF vota para enquadrar homofobia como crime de racismo
DOURADOS
Servidora da UEMS lança livro sobre Letramento Digital nesta sexta
RIBAS DO RIO PARDO
Homem é preso e confessa que estuprava a sobrinha de 9 anos
SELEÇÃO
Marinha abre concurso para 90 vagas para o Corpo Auxiliar de Praças

Mais Lidas

POLÍCIA
Após pescaria, marido encontra desconhecido na frente de casa e ameaça mulher com arma em Dourados
DOURADOS
Preso em operação estava sob monitoramento por assalto
PEDRO JUAN
Três suspeitos de chacina na fronteira são presos pela polícia paraguaia
PEDRO JUAN
Seis morrem e uma criança fica ferida após ataque de pistoleiros na fronteira